Início Destaque Supermercados têm redução de 1,3 % nas vendas de novembro

Supermercados têm redução de 1,3 % nas vendas de novembro

Supermercados
Tempo de Leitura: 2 minutos

supermercados

  • Desaceleração nas vendas dos supermercados  foi de 9,55% nos últimos 12 meses

Com base no mês de novembro, o Índice de Vendas dos Supermercados (IVS*), apurado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) em parceria com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE), indica uma desaceleração de 9,55% nas vendas nos últimos 12 meses, após ser dessazonalizado e deflacionado pelo Índice de Preços dos Supermercados (IPS) para o mesmo período.

Cenário

Em outubro, o indicador registrado foi de 8,25%. A mudança nos hábitos dos consumidores e o longo período de fechamento de bares, restaurantes e do comércio não essencial durante a pandemia da Covid-19 refletiram nesse cenário.

O faturamento real dos supermercados no Estado de São Paulo, dessazonalizado e deflacionado com base no IPS/FIPE, no conceito de mesmas lojas, apresentou em novembro queda de 10,54% e de 10,30% no acumulado do ano.

supermercados

Inflação x Poder de Compra

O resultado pode ser explicado pela influência da inflação no poder de compra das famílias e a redução no ritmo do consumo. Outra variável foi o impacto do nível de desemprego (12,1%) no montante de recursos financeiros disponível na economia.

A diminuição do volume vendido no setor supermercadista é um indicativo apontado no último dado divulgado pelo IBGE, em que a projeção de crescimento da indústria alimentícia foi reduzida.

Por outro lado, a mais recente projeção do Banco Central (BC) indica que as famílias ainda estão dispostas a consumir. O aumento de 2,4% na obtenção de crédito e a permanência do nível de inadimplência em 2,3% registrado em novembro revelaram um cenário de confiança em relação às vendas.

(*) Com o objetivo de acompanhar e analisar o desempenho das vendas do setor supermercadista no Estado de São Paulo, nos conceitos de “mesmas lojas” (lojas abertas há pelo menos um ano) e “todas lojas” (lojas criadas no período pesquisado), o Índice de Vendas dos Supermercados (IVS) mede o Faturamento Real dos hipermercados e supermercados (que representam 85% do setor supermercadista paulista), dessazonalizado e deflacionado pelo Índice de Preços dos Supermercados (IPS) – Índice calculado pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) e pela FIPE, que mede a variação de preço dos produtos comercializados no setor supermercadista do Estado de São Paulo.

Sobre a APAS

Com 50 anos de tradição, a Associação Paulista de Supermercados representa o essencial setor supermercadista no Estado de São Paulo e busca integrar toda a cadeia de abastecimento com a sociedade.

A entidade, que possui 3 distritais na cidade de São Paulo e 13 regionais distribuídas estrategicamente pelo estado, conta hoje com 1.505 supermercados associados que somam 4.315 lojas.

<Com apoio de informações: GBR Comunicação>

d