Tempo de Leitura: 5 minutos

Localizado na Zona Norte, o Sambódromo de São Paulo comemora 30 anos nesta 2ª feira (01fev2021). Como forma de celebrar a data, a São Paulo Turismo (SPTuris) programou uma série de ações, como a “Live comemorativa – 30 anos do Sambódromo” nas redes sociais para mostrar depoimentos e curiosidades do espaço. Será na própria data do aniversário, 1º de fevereiro (2ª feira), a partir das 16 horas, nas seguintes redes sociais: YouTube, Facebook e Instagram — veja os links no final da matéria.

Está programado ainda um roteiro guiado pelo Sambódromo, totalmente gratuito, para o público conhecer um pouco da história do local, que acontecerá também nesta 2ª feira (01fev2021) em quatro horários: 9, 11, 13 e 15 horas. Com duração aproximada de uma hora e no máximo de 10 participantes, a visita seguirá os protocolos sanitários e mantendo o distanciamento entre as pessoas.

O ponto de encontro será na Central Móvel de Atendimento ao Turista (van), localizada na entrada da Arena de Lazer, e é obrigatório o uso de máscaras. As inscrições podem ser feitas pelo site Sympla clique aqui. 

Também haverá uma exposição de carros antigos durante o dia e a Liga das Escolas de Samba de São Paulo vai criar uma programação para a semana e para o mês de fevereiro pelos 30 anos do Sambódromo.

A história do Anhembi

O nome oficial do espaço é Polo Cultural e Esportivo Grande Otelo – homenagem ao ator, comediante e sambista. Administrado  pela SP Turismo, o  Sambódromo do Anhembi foi inaugurado em 1991, passando a ser, desde então, o local oficial dos desfiles das escolas de samba do Carnaval de São Paulo, que antes aconteciam na avenida Tiradentes.

Construído junto ao Complexo Anhembi (Pavilhão de Exposições e Palácio das Convenções), o templo da folia paulistana foi projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer e tornou-se um ícone da cidade de São Paulo. Trata-se de uma obra inconfundível por causa de seus refletores de iluminação curvados e distribuídos ao longo da pista, como se estivessem reverenciando o samba e quem passa pela avenida.

Com capacidade inicial para 10 mil pessoas, a conclusão dos dez módulos de arquibancadas aconteceu em 1996, aumentando a capacidade total para 30 mil pessoas. É marcante nessa estrutura a chamada arquibancada “Monumental”, no setor B, que, sozinha, pode receber até 7.748 pessoas.

Megaeventos

Além de receber os desfiles das escolas de samba do Carnaval de São Paulo, o espaço também é utilizado, desde o fim da década de 1990, para o tradicional Desfile Cívico e Militar de Sete de Setembro, organizado pelo Exército Brasileiro.

Em 2008, foi palco da primeira edição nacional dos X-Games, versão brasileira do maior campeonato de esportes radicais do mundo, com modalidades de moto, bike BMX e skate. Três anos depois, foi montada a Megarampa, uma enorme rampa de skate para os atletas fazerem manobras radicais.

Entre 2010 e 2013, a pista recebeu ainda a etapa brasileira da Fórmula Indy 300, prova de automobilismo na qual os carros percorreram a passarela a quase 300 km/h e percorriam o circuito no entorno do Anhembi.

No local também já foram realizados centenas de shows e festivais musicais como Spirit of London, Summer Soul Festival, Z Festival e Pop Music Festival. A Arena Anhembi (Área da Concentração do Sambódromo) já recebeu grandes e importantes turnês de artistas internacionais como Carlos Santana, Jack Johnson, Black Eyed Peas, Elton John, Kiss, Linkin Park, Ozzy Osbourne, Bruno Mars, Red Hot Chili Peppers, Oasis, Aerosmith, Maroon 5, Green Day, Guns N’Roses e uma das últimas apresentações na carreira da cantora Amy Winehouse.

Entre os nomes brasileiros, destacam-se artistas como Ivete Sangalo, Asa de Águia, Dennis DJ, Thiaguinho, Wesley Safadão, Cláudia Leitte, Los Hermanos, Luan Santana, Jorge & Mateus, Bruno & Marrone, e muitos outros.

Com tanta versatilidade, o local recebeu corridas noturnas de pedestres e grandes estruturas como a versão paulistana da Oktoberfest, a World Skills (competição que ocupou todo o Anhembi e montou uma enorme tenda na pista do Sambódromo), a festa de São João e o Centenário da Imigração Japonesa (2008).

Estrutura do Sambódromo

O Sambódromo do Anhembi possui uma área total de 100 mil m², pista de 530 metros de extensão e 14 metros de largura – em declive para evitar acúmulo de água.

Em dias de apresentação das escolas de samba, o público total que passa pelo Sambódromo – incluindo arquibancadas, camarotes e desfilantes –, pode superar mais de 50 mil pessoas durante a realização do Carnaval.

Além disso, a Arena Anhembi, ou Área da Concentração, possui 23 mil m², e a Nova Arena Anhembi, ou Área de Dispersão, tem 14 mil m².

O Sambódromo também tem acessibilidade para pessoas com deficiência e/ou mobilidade reduzida. Ao longo dos últimos anos, passou por modificações e melhorias como rampas de acesso, portões largos e demarcação de assentos para os desfiles do Carnaval.

Leia mais – clique em cima dos títulos:

 


Arena de Lazer 

Inaugurado em outubro do ano passado, o projeto da São Paulo Turismo (SPTuris) transformou o Sambódromo em um espaço de lazer aberto ao público e com entrada totalmente gratuita.

A Arena de Lazer possui 2 km de pista de bicicleta, área para corrida e caminhada, área pet, espaço de alimentação, aluguel de bicicleta, triciclo, patins e skate, e exposição sobre o Carnaval, entre outras atrações.

É uma ótima oportunidade para conhecer esse símbolo da cidade, visitar com toda a família e, literalmente, passear pela passarela do samba.

Durante a atual fase laranja do Plano São Paulo, a Arena de Lazer está aberta de 2ª a 6ª feira, das 8 às 16 horas, seguindo os protocolos de prevenção à Covid-19, como aferição de temperatura e uso obrigatório de máscara.

Leia mais – clique em cima dos títulos:


Links para participar  da “Live comemorativa – 30 anos do Sambódromo”  – 2ª feira (01fev2021) – 16 horas:

Youtube:

 SPTuris Anhembiparque

Facebook: 

Turismo em São PauloSPTuris AnhembiParque

Instagram: 

@anhembioficial@spturisoficial @arenasambodromo


<< Com apoio de informações/fonte: Secretaria Especial de Comunicação-Secom/Prefeitura de São Paulo >>


 

d