Início Bem Estar Covid: vacinação no aniversário de SP e o estado passa das 300...

Covid: vacinação no aniversário de SP e o estado passa das 300 mil crianças vacinadas

crianças vacinadas
Tempo de Leitura: 3 minutos

crianças vacinadas

  • Haverá vacinação antiCovid nas AMAs/UBSs Integradas, farmácias parceiras e parques da cidade
  • Já a vacinação para pessoas com mais de 12 anos acontecerá nas UBSs/AMASs Integradas, das 8 às 19 horas, nas farmácias parceiras da avenida Paulista (nº 2.371 e 266), das 8 às 16 horas
  • Na Zona Norte, o Parque da Juventude (Estação Carandiru),  atende das 8 às 17hs.

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) informa que, em razão do aniversário da cidade de São Paulo nesta 3ª feira (25/01/2022) ), algumas unidades na capital paulista terão funcionamento alterado.

Estarão ABERTOS e com funcionamento ininterrupto: 
  • Hospitais e prontos-socorros;
  • Hospitais Dia 24h;
  • Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs) 24h;
  • Unidades de Pronto Atendimento (UPAs);
  • Centro de Atenção Psicossocial (Caps) AD IV Redenção;
  • Samu 192.
Atenderão normalmente: 
  • Ambulatórios de Especialidade (AEs);
  • Hospitais Dia (HDs);
  • AMA Especialidades;
  • As AMAs 12h estarão abertas até as 22h;
  • Já as AMAs/UBSs Integradas funcionarão, das 7h às 19h, inclusive para a vacinação das crianças de 5 a 11 anos contra a Covid-19;
  • Os Caps III que atendem 24h funcionarão apenas com demandas internas, sem abertura ao público.
Estarão FECHADOS: 
  •   Unidades Básicas de Saúde (UBSs);
  •  Caps II; Centros de Convivência e Cooperativa (Ceccos); Centros Especializados em Reabilitação (CERs);
  • As unidades da rede municipal Especializada em Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST)/Aids;
  •   Hospitais públicos veterinários.

Além desses equipamentos, a Divisão de Vigilância Epidemiológica (DVE) e a Divisão de Vigilância em Zoonoses (DVZ) estarão em regime de plantão.

Vacinação 

Nesta 3ª feira (25/01/2022), a Secretaria Municipal da Saúde segue com a vacinação contra a Covid-19 na capital, aplicando primeira dose (D1), segunda dose (D2) e dose adicional (DA). As crianças de 5 a 11 anos de idade podem se vacinar nas UBSs/AMASs Integradas, das 8h às 19h. Todos os endereços das unidades podem ser consultados na página Vacina Sampa —  clique aqui.

Pré-cadastro 

A Secretaria Municipal da Saúde  recomenda que seja feito o pré-cadastro para as crianças no site Vacina Já (www.vacinaja.sp.gov.br) a fim agilizar o tempo de atendimento. As crianças devem estar acompanhadas por um responsável maior de 18 anos e apresentar documento de identificação (preferencialmente CPF), comprovante de residência e carteirinha de vacinação.

Nas crianças de 6 a 11 anos de idade, será aplicada a Coronavac, liberada para uso infantil na última quinta-feira (20) pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Cabe salientar que o público de 5 anos de idade será vacinado com a Pfizer pediátrica, assim como, as crianças de 5 a 11 anos com imunossupressão.

Balanço 

Até as 13h desta segunda-feira (24), foram aplicadas 25.588.423 doses de vacinas antiCovid, sendo 10.864.017 D1, 10.086.518 D2, 335.063 doses únicas (DUs) e 4.302.825 DAs.  A cobertura vacinal da população com mais de 18 anos está em 109,5% para D1 + DU, em 104,4% para D2 + DU e em 46,6% para DA.

Em adolescentes de 12 a 17 anos, foram aplicadas 945.175 D1, representando uma cobertura vacinal de 112%. Também foram aplicadas 782.470 D2 nesse público (92,7%).

Nas crianças entre 5 e 11 anos, foram aplicadas 144.470 D1, o que corresponde a 13,3% da cobertura vacinal dessa faixa etária.

São Paulo ultrapassa 300 mil crianças vacinadas

Governo do Estado lança vacinômetro infantil; até as 15h30 desta 2ª feira (24/01/2022), 7,69% da população entre 5 e 11 anos já havia recebido a primeira dose do imunizante

O Estado de São Paulo vacinou 308,3 mil crianças contra a Covid-19, entre 5 e 11 anos, até as 15h30 desta segunda-feira (24). O número corresponde a 7,69% da população desta faixa etária, que recebeu a primeira dose do imunizante.

As informações estão disponíveis no vacinômetro infantil, lançado pelo Governo de São Paulo nesta segunda, e podem ser conferidos no site Vacina Já, por meio do link: clique aqui e no portal do Governo de São Paulo (www.saopaulo.sp.gov.br).

A vacinação irá acelerar nos próximos dias e a meta é que os municípios vacinem em três semanas todas as 4,3 milhões de crianças dessa faixa etária do estado com a dose inicial. A capacidade da vacinação infantil em São Paulo é de 250 mil crianças por dia, além dos jovens e adultos que já vêm sendo imunizados nos 645 municípios contra a Covid-19.

O calendário de vacinação do Governo de São Paulo prevê a vacinação de crianças com idade entre 9 a 11 anos de 20 a 30 de janeiro. Entre 31 de janeiro e 10 de fevereiro, a campanha vai priorizar aquelas de 5 a 8 anos.

Além disso, até o dia 10 de fevereiro, 850 mil crianças com comorbidades e deficiências, além de indígenas e quilombolas de 5 a 11 anos podem tomar a primeira dose. As crianças de 5 anos só podem receber o imunizante da Pfizer, enquanto as demais poderão ser protegidas pela Coronavac.

O cronograma completo da vacinação infantil está disponível no site www.vacinaja.sp.gov.br. A página também oferece serviço de pré-cadastro para que pais e responsáveis agilizem o atendimento das crianças em todo o estado.

São Paulo foi o primeiro estado do Brasil a iniciar a vacinação infantil contra o coronavírus, no último dia 14, horas após receber doses pediátricas do imunizante da Pfizer por meio do Ministério da Saúde. <<Com apoio de informações/fonte: Ass.Imprensa Secretaria Municipal da Saúde e Secom-Governo de São Paulo>>


d