da Redação DiárioZonaNorte ===

Em pouco tempo, uma nova transformação ocorreu na Avenida Tucuruvi. Dos tempos do Cine Valparaizo, do Curso de Datilographia e depois Madureza do Chafic, das lojas da época naquele espaço… vieram os supermercados Big, Cândia e depois o Carrefour. Ficaram no passado.

Próximo do aniversário de 115 anos do bairro do Tucuruvi, em 24 de outubro,  o local está novamente se transformando e,  no ano que vem, deve estar mostrando um novo e grande espaço com um shopping: o Tri-Mais. Já contamos toda a história, com detalhes,  neste jornal – que você pode rever (e assistir vídeo mostrando como funcionará)  clicando aqui

Prédio foi derrubado === Agora, estamos mostrando que o prédio do Carrefour não existe mais. Foi totalmente ao chão. O grande estacionamento a céu aberto também está sendo transformado, com um grande buraco para surgir estacionamento no subsolo. A preocupação agora é o que vai acontecer na região, o chamado impacto ambiental e de mobilidade – ônibus, carros e pessoas.

O local é bem adequado para um “estrangulamento” em todos os sentidos. A Avenida Tucuruvi é estreita e ultrapassada para o grande fluxo de veículos nos dois sentidos, o que também ocorre com a Rua Domingos Calheiros – e outras próximas como a defasada Av. Sezefredo Fagundes.  Além disto, há outro shopping bem próximo – o Metrô Tucuruvi – que já gera um impacto muito grande no trânsito da  região.

Prefeitura Regional nada sabe === Diante das preocupações de muitos leitores – que encaminharam mensagens ao DiárioZonaNortefoi solicitado à Prefeitura Regional de Santana/Tucuruvi/Mandaqui esclarecimentos sobre a obra. Em seguida, veio a resposta: “A Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento – SMUL é responsável pela análise de projetos de empreendimentos, entre outros, projetos não residenciais com mais de 1.500 metros quadrados, assim como uso e ocupação do solo nesse caso. Assim esse projeto passa direto pela SMUL e não pela Prefeitura Regional, que analisa o uso e ocupação do solo e licenciamento com menos de 1.500 metros quadrados”.

Mais esclarecimentos === Em vista disto, valendo-se da Lei de Acesso à Informação, o DiárioZonaNorte encaminhou  pedido à SMUL, requerendo dados sobre o processo, incluindo informações sobre o Termo de Compensação Ambiental (TCA) e a correspondente compensação viária da região.  No mesmo pedido, foi solicitada explicações sobre a demolição do prédio do Carrefour e do estacionamento. E toda a documentação pertinente ao assunto, com esquemas, croquis e mapas.

Os pedidos que foram feitos === A Secretaria Municipal de Urbanismo e Licenciamento – SMUL respondeu rapidamente que o local informado possui Alvará de Reforma nº 2017/01731-00 expedido em 25/01/2017 pelo processo 2012-0.120.897-8. “O pedido é para a demolição de parte do existente e construção de um supermercado com centro de compras associados a um edifício de escritórios”. Informou ainda que a expedição do Alvará foi apresentado Termo de Compromisso Ambiental-TCA nº276/16 autorizando o manejo arbóreo e a Certidão de Diretriz de SMT nº 077/16 de Pólo Gerador de Tráfego.

A placa exposta === As informações de alvará, TCA e da SMT (Secretaria Municipal de Transportes – leia-se também Companhia de Engenharia de Tráfego – CET) conferem e adicionam-se também na placa presa na parte superior do tapume de entrada (não muito visível) com o nome do empreendimento (Trimais HiperCenter), nome da empresa que firmou o TCA (Gaia Semear),a publicação do TCA no Diário Oficial da Cidade (em 09/11/2017), Processo Administrativo (2015-0.308.929-7) e Alvará da Prefeitura (2017-01731-00). Porém, não foram indicados os nomes dos engenheiros e arquitetos responsáveis pela obra e nem outros detalhes técnicos da obra.

“A todo vapor” === Enquanto isto, as máquinas continuam a todo vapor nas obras da Demolidora FBI e da JL Terraplanagem, tendo a empresa Gaia Semear, especializada em processos em Projeto de Conduta Ambiental (TCA)  e Termo de Ajuste de Conduta (TAC), o que demonstra que a empresa está desenvolvendo o processo desde janeiro de 2017.

——–

ObraFácil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora