Início Cultura Um museu diferente que usa ilusão de ótica com experiências divertidas e...

Um museu diferente que usa ilusão de ótica com experiências divertidas e curiosas

Você sabia que o seu cérebro pode ser enganado pelos seus próprios olhos? As ilusões óticas mostram que nossa mente tende a fazer suposições sobre o mundo e na busca de ajustar as imagens a partir de um sentido ou de informações pré-adquiridas, pode visualizar o que não é real. O que você pensa que vê, muitas vezes não é: a verdade!

Para explicar como isso acontece na prática, o Museu das Ilusões, único do gênero na América Latina, reabre neste sábado (24abr2021), em São Paulo, no Shopping Eldorado, depois de fechado pela quarta vez por causa da Covid.

A atividade permite um pouco de diversão em família, com distanciamento social necessário neste momento e cumprindo todos os protocolos recomendados pelos órgãos públicos para a fase de transição, além do uso obrigatório de máscara.

Instalado em um espaço amplo, de aproximadamente 1.300 m² ao todo, a exposição conta com mais de 70 atrações com experiências divertidas e ilusões de ótica, que irão brincar com o cérebro e com a razão.

As imagens surpreendentes

Excelente para se divertir depois de mais uma etapa de isolamento social e carência de descontração. Sabe aquela situação que causa na gente uma chacoalhada no cérebro para ver se realmente temos certeza do que vemos?! Essa é uma das sensações que o Museu das Ilusões provoca, além de muitos risos e desafios as nossas certezas.

A exposição já foi preparada com todo cuidado durante a pandemia para poder abrir nas fases possíveis e quando fosse permitido. “Fomos nos readequando e criamos diversas ações para manter o distanciamento social e redução da capacidade, como os horários fracionados de entrada a cada 15 minutos, com controle de entrada abaixo do recomendado. Tudo cuidadosamente pensado para este momento”, observa Paulo Zimmermann, diretor executivo do Museu das Ilusões.

Inspirado nos principais museus de ciências e de ilusão de ótica do mundo, museus com temática similar são o maior sucesso na Europa e EUA, o Museu das Ilusões trouxe pela primeira vez a São Paulo, o maior acervo do mundo em ilusão ótica, com experiências divertidas, que intrigam o público e a lógica.

Além de entreter o público com momentos fora da realidade, de forma lúdica e interativa, o museu traz conhecimentos sobre ilusões visuais, mensagens subliminares e a relação entre tempo, espaço e consciência.

O  acervo

Além das peças que iniciaram o projeto como o Poço do Infinito, Cadeira 3D, Sala dos Gigantes, Guarda Chuva, Casa Invertida, Seis de Mim, Juntos e Misturados, entre outras, para a instalação do Shopping Eldorado, foram construídas várias peças novas como o Vaso ou Faces, Duplo Cone, Espelhos de Transformação, entre outras novidades. O Museu das Ilusões também recebeu algumas obras de artistas plásticos como a peça “Emoções” do artista Pitu, de Minas Gerais; “Animais” e “Gandhi” do artista Robison da Silva; grafite de Tiago Ots e imagens 3D do cenógrafo Sandro Gomes.

Ilusões de ótica

As ilusões têm uma longa história, indo até os antigos gregos. Em 350 AC, Aristóteles observou que “nossos sentidos podem ser confiáveis, mas podem ser facilmente enganados”. A partir de um experimento simples, ele notou que, ao observamos uma cachoeira e desviar o olhar para rochas estáticas, as rochas parecerão se mover na direção oposta do fluxo de água, um efeito que agora chamamos de “efeitos posteriores do movimento”.

O sistema visual humano pode ser dividido em duas partes: fisiológico e cognitivo. Não vemos o mundo apenas com nossos olhos, mas também com o cérebro, que é o responsável por captar as informações ao nosso redor e dar algum sentido a elas.

Uma escola de pensamento sugere que algumas ilusões destacam a maneira como o cérebro tenta constantemente e de forma rápida prever o que vai acontecer. Tentamos prever o futuro para compensar o pequeno atraso entre um evento e nossa percepção consciente dele.

A luz dessas palavras que você está lendo tem que chegar ao seu olho, antes que um sinal viaje para o cérebro para ser processado – isso leva tempo, o que significa que o mundo que você percebe é ligeiramente no passado. Acredita-se que o cérebro pode fazer previsões sobre o ambiente ao seu redor para tentar perceber o presente.


Serviço
Museu das Ilusões
  • Local: Shopping Eldorado – 3º piso – ao lado da Praça de Alimentação
  • Endereço:  Av. Rebouças, 3970 –  Pinheiros, São Paulo / SP
  • Horários: Nessa fase, funciona de terça a domingo das 11h às 19h, com entradas até às 18h. Os grupos são reduzidos e entrada fracionada a cada quinze minutos. Apenas nesta segunda (26), irá funcionar também das 11 às 19 horas com entradas até as 18 horas
  • Valor dos Ingressos: R$ 50,00 inteira e R$ 25,00 meia entrada.
  • Descontos promocionais para grupos e famílias com três pessoas ou mais:
    – 3 pessoas – R$ 75,00 / – 4 pessoas – R$ 100,00 / – 5 pessoas – R$ 125,00
    – 6 pessoas – R$ 150,00
  • Pontos de Venda: Na bilheteria do Museu e online pela Eventim – clique aqui
  • Contatos: (19) 99981-4198 ou e-mail: contato@museudasilusoes.com.br

<<Com apoio de informações/fonte:  Confraria da Informação / Campinas-SP – Sara Silva/Luciana Almeida >>


 

           d