Mais do que apreciar, elaborar o próprio vinho é uma experiência que vai muito além da taça. Compreender o ciclo da videira, participar da poda e entender sua importância no processo do cultivo da uva, viver a emoção da colheita e, por fim, acompanhar e degustar a evolução do próprio vinho é uma vivência única, ainda mais quando praticada no Vale dos Vinhedos – única região de vinhos do Brasil com Denominação de Origem – sob a condução exclusiva do diretor superintendente da Vinícola Miolo, enólogo Adriano Miolo. As inscrições para quem deseja se tornar um winemaker e fazer seu próprio vinho estão abertas e as vagas são limitadas.

De agosto de 2019 a junho de 2020 serão quatro encontros com uma programação que inclui teoria e prática, além de almoços e jantares temáticos e harmonizados. O resultado da experiência são 60 garrafas para cada participante com rótulo personalizado, desenvolvido a partir do briefing de cada ‘enólogo amador’. O vinho, da emblemática variedade Merlot, carrega a distinção da Denominação de Origem Vale dos Vinhedos (DOVV).

Os participantes têm sua primeira aula em agosto, entre os dias 16 e 18, quando realizam a Poda Seca, podendo curtir o charme do inverno no roteiro enoturístico mais famoso do Brasil. De 8 a 10 de novembro, quando os vinhedos estão florescendo, é a vez da Poda Verde e de 27 de fevereiro a 1º de maio de 2020 é o momento de se emocionar com a colheita a uva, feita no vinhedo exclusivo do Winemaker, localizado no icônico Lote 43, uma das melhores parcelas da família. O último encontro acontece de 5 a 7 de junho do próximo ano, quando o grupo define o corte do vinho, além da cerimônia de formatura. O gran finale vai acontecer um ano adiante, depois de o vinho permanecer em barricas de carvalho francês e ser engarrafado até chegar às mãos do seu criador.

Adriano Miolo conduz todas as etapas com o suporte de uma equipe técnica formada por engenheiros agrônomos e enólogos da marca. “Em cada módulo deste projeto está um pouco de mim, do meu conhecimento e, acima de tudo, do meu amor pelo vinho. Transformar a uva em vinho transcende qualquer sentimento que eu possa ter na minha atividade profissional, e poder mostrar tudo isso para quem aprecia esta arte é também realizador”, relata. “Cada vinho é como um filho e poder assinar o próprio rótulo é uma emoção que compartilho há 10 anos com todos que participam deste projeto”, afirma.

Gente de todas as idades, diferentes estilos e de diversas regiões do Brasil, mas que têm em comum o gosto pelo vinho, já fizeram o curso. Em 10 anos, o Winemaker Miolo formou 112 apreciadores – cinco turmas de Vinho Tinto e duas de Espumante -, que tiveram a oportunidade de mergulhar neste universo de sensações, compreendendo a relação existente entre o solo, o clima e a sensibilidade e conhecimento do enólogo em todo o processo. Durante todo o período do curso, os participantes ficam hospedados no Spa do Vinho Hotel & Condomínio Vitivinícola, instalado em frente à vinícola.

Informações e inscrições podem ser feitas pelo e-mail winemakers@miolo.com.br ou pelos telefones (54) 2102.1500 e 9 8133.0032, com Thaís Somensi.

< Com apoio de informações: ConceitoCom Brasil >

ObraFácil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora