O prefeito em exercício de São Paulo, Eduardo Tuma, a pedido do prefeito Bruno Covas, determinou na tarde desta 6ª feira (13/03/2020) o cancelamento de todos os eventos promovidos pelo Poder Público municipal que gerem aglomerações de pessoas, tais como eventos esportivos, artísticos, culturais, políticos, científicos, comerciais. A medida está sendo adotada por tempo indeterminado para prevenir riscos de transmissão direta do Covid-19. Para eventos privados, com mais de 500 pessoas, a recomendação é que eles também sejam suspensos.

SEM  AULAS === A Prefeitura também decidiu suspender as aulas nas escolas municipais, de maneira gradativa, a partir da próxima 2ª feira (16/03/2020).  Na semana de 16 a 23, as famílias terão tempo para se adaptar à medida e só se ausentarão aqueles alunos que tiverem onde ficar no horário das aulas. Não se recomenda que esses alunos fiquem com avós, já que a população idosa é a de maior risco. A partir do dia 23, então, as aulas serão suspensas por tempo indeterminado.

NOS TRANSPORTES  === Na área dos transportes, a Prefeitura determinou que os terminais de ônibus disponibilizem álcool gel nas áreas públicas e administrativas. Será obrigatória a divulgação de mensagens sonoras de prevenção nesses terminais, bem como destinados espaço para que agentes de saúde possam oferecer informações aos usuários. Nas empresas, a Prefeitura recomenda a limpeza/higienização total dos ônibus, em especial nos pontos de contato com as mãos dos usuários e também no sistema de ar condicionado.

CENTROS ESPORTIVOS === Outra determinação envolve os Centros Esportivos da administração direta. Eles estarão abertos para o público, mas sem a realização das atividades esportivas programadas. Jogos, torneios, campeonatos, aulas etc não serão permitidos.

Os servidores dos Centros Esportivos também deverão orientar os munícipes que frequentam os equipamentos públicos nos fins de semana a não praticarem atividades em grupo. Aglomerações devem ser evitadas. As piscinas vão estar fechadas no sábado e domingo. Às segundas-feiras elas não funcionam.

SEM CORRIDAS DE RUA === A partir da próxima semana, os servidores da Secretaria Municipal de Esportes e Lazer serão capacitados para orientar e atender pessoas com sintomas do coronavírus. As corridas de rua programadas para este final de semana na capital paulista foram adiadas por tempo indeterminado.

SEM EVENTOS CULTURAIS === Na área da cultura, todos os eventos promovidos pela Secretaria Municipal da Cultura, incluindo aqueles que ocorrem nos equipamentos culturais municipais, serão adiados por tempo indeterminado, como forma de evitar a aglomeração de pessoas e o risco de disseminação do novo coronavírus. Os equipamentos, porém, permanecerão abertos e com os horários de funcionamento normais.

Para que não haja prejuízo aos artistas contratados para os eventos, nesta 6ª feira  (13/03), o Secretário Municipal de Cultura assinou portaria que possibilita a repactuação de datas e períodos de vigência das contratações artísticas e parcerias. As novas datas serão informadas à população por meio do site e redes sociais da SMC.

PARQUES MUNICIPAIS === A Secretaria do Verde e do Meio Ambiente também suspendeu, por tempo indeterminado, eventos promovidos por sua iniciativa nos Parques Municipais, com a finalidade de evitar grande aglomeração de pessoas. Quanto aos eventos propostos por empresas privadas e do Terceiro Setor, foram adiados por inciativa dos próprios proponentes.

Os administradores dos parques já orientam os frequentadores sobre o coronavírus e cartazes de alerta, orientação e prevenção serão afixados em todos eles a partir da próxima semana.  << Com apoio de informações/fonte: Secretaria Especial de Comunicação-Secom/PMSP >>


           Governo de SP anuncia suspensão de aulas e eventos 

O Governador João Doria confirmou, nesta 6ª feira (13/03/2020), que São Paulo vai intensificar as medidas de enfrentamento ao novo coronavírus. Em acordo com o Ministério da Saúde, ficou definido que haverá interrupção gradual das aulas na rede estadual de ensino a partir de 2ª feira  (16/03/2020), o adiamento de eventos públicos ou privados que reúnam 500 ou mais pessoas e a suspensão por 60 dias das férias de funcionários da rede estadual da Saúde.

A interrupção das aulas e restrição de eventos com público visa reduzir a circulação de pessoas, uma vez que os serviços de saúde confirmaram a transmissão local do covid-9 em São Paulo. A contaminação já ocorre entre pessoas que residem no estado e não viajaram para países onde a contaminação ocorria anteriormente.

A rede estadual de ensino reúne 5,1 mil escolas e atende 3,5 milhões de alunos. As aulas serão interrompidas gradualmente a partir do dia 16 até o próximo dia 23, quando a paralisação será total nas unidades de ensino. O Governo de São Paulo recomenda que a medida também seja adotada por todas as escolas particulares do estado.

Na semana que vem, as escolas permanecerão abertas para receber as famílias dos alunos e oferecer orientações. Uma delas é evitar que crianças e jovens permaneçam em casa sob a tutela dos avós ou parentes com mais de 55 anos. Os idosos formam o grupo mais vulnerável aos sintomas respiratórios graves provocados pelo covid-9.

Durante a interrupção, a Secretaria da Educação buscará opções para que todos os alunos participem de aulas ou atividades educacionais pela internet. A retomada das ano letivo só será definida conforme o avanço do coronavírus for contido no estado de São Paulo.

Já a partir de sábado (14), os eventos promovidos pelo Estado que poderiam reunir aglomerações com mais de 500 pessoas estão suspensos por tempo indeterminado. A mesma restrição deve ser seguida em eventos particulares de qualquer natureza – cultural, esportiva, religiosa etc.

Governo federal == O Ministro da Saúde confirmou a liberação de R$ 94 milhões para São Paulo investir em ações previstas no plano estadual de contingência. Mandetta também disse que a União reservou R$ 1 bilhão para custear a ampliação de horários de atendimento em unidades de saúde de todo o Brasil. << Com apoio de informações/fonte: Assessoria de Comunicação Governo de São Paulo >>

ObraFácil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora