O governo de São Paulo anunciou nesta 4ª feira (10fev2021) o início da imunização de idosos com idade entre 80 e 84 anos para o dia 1º de março em todo o estado de São Paulo. Foi também confirmada a vacinação antecipada do grupo de 85 a 89 anos para a próxima 6ª feira (12fev2021), três dias antes do previsto.

A vacinação contra o coronavírus começou no dia 17 de janeiro, na capital paulista, logo após a aprovação emergencial da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) ao imunizante do Instituto Butantan. Até o início da tarde desta quarta, pouco mais de 1 milhão de pessoas já tinham sido vacinadas em todo o estado.

80 a 84 anos

O público-alvo de 80 a 84 anos totaliza 563 mil pessoas nos 645 municípios de São Paulo. Os idosos desta faixa etária poderão ser imunizados com parte das 8,7 milhões de novas doses da vacina do Butantan, que serão produzidas com insumos que chegaram ao Brasil na manhã desta quarta.

85 a 89 anos

Já os 309 mil idosos de 85 a 89 anos poderão receber vacinas a partir desta sexta. A agilidade na logística da Secretaria de Estado da Saúde permitiu a antecipação da campanha. Em 24 horas de trabalho, a pasta conclui nesta quarta o envio de mais de 900 mil doses da vacina do Butantan a todas as regiões do estado.

Segunda dose da vacina

A medida também permite que os municípios comecem a oferecer a segunda dose da imunização a grupos que já tomaram a vacina do Butantan desde janeiro – profissionais da saúde, indígenas e quilombolas, além de idosos acima de 60 anos e pessoas com deficiência a partir de 18 anos que vivem em instituições de longa permanência.

Assim que o Ministério da Saúde assegurar novos repasses de vacina a São Paulo, o Governo do Estado irá divulgar as próximas etapas do cronograma e respectivos públicos-alvo da campanha de vacinação contra a COVID-19.

Pré-cadastro

O governo de São Paulo incentiva o pré-cadastramento de idosos aptos à imunização no site vacinaja.sp.gov.br. O registro online garante mais facilidade e rapidez à campanha de imunização, pois economiza 90% no tempo de atendimento individual nos postos da vacinação.

O preenchimento dos dados no site Vacina Já leva de um a três minutos. Já no atendimento presencial, a coleta de informações leva cerca de 10 minutos.

O pré-cadastro não é obrigatório e também não é um agendamento, mas contribui para evitar aglomerações nos postos. O registro dos dados no Vacina Já é gratuito, seguro e confidencial.

O esquema de vacinação

Secretaria Municipal da Saúde (SMS), ao mesmo tempo, abriu cinco postos de drive-thru para reforçar o atendimento aos maiores de 90 anos, que começaram a ser vacinados na última 6ª feira e sábado(05 e 06fev2021) nos postos e  Unidades Básicas de Saúde (UBS).

A expectativa é imunizar cerca de 33 mil pessoas com mais de 90 anos na cidade de São Paulo. A Prefeitura estuda a possibilidade de antecipar para a próxima 6ª feira (12fev2021) a vacina dos idosos de 85 anos – que havia sido previsto pra início o dia 15 (2ª feira)

A operação conta com o apoio da Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) para a organização do trânsito nos locais.

Drive Thru

O funcionamento das cinco unidades será de 2ª a 6ª feira, das 8 às 17 horas, nos seguintes endereços:

  1. Praça Charles Muller – Estádio do Pacaembu (Zona Oeste)
  2. Neo Química Arena Corinthians (Zona Leste) – (Corinthians)
  3. Autódromo de Interlagos (Zona Sul) – Rua Jacinto Júlio – Portão 9 KRF
  4. Centro de Exposições do Anhembi (Zona Norte) – Rua Olavo Fontoura – Portão 38
  5. Igreja Boas Novas, na Vila Prudente (Zona Leste) – Rua Marechal Malet, 611 – Parque da Vila Prudente

Os idosos com dificuldade ou incapacidade de locomoção, atendidos pelo Programa De Saúde da Família (PSF), serão vacinados em suas casas. Quem não for inscrito e precisar de vacinação por dificuldades de locomoção deve entrar em contato com a Unidade Básica de Saúde (UBS) mais próxima.

Para saber qual é a UBS mais próxima de sua residência, basta acessar o site: http://buscasaude.prefeitura.sp.gov.br/.


<Apoio de informações/fonte: Comunicação/Governo de SP >

d