O Restaurante Bom Prato estará, neste domingo (10/05/2020),  comemorando o “Dia das Mães”, com cardápio especial, em todas suas unidades.  Serão oferecidos caardápios especiais e, no Tucuruvi, um brinde especial da mãe que estiver acompanhada com seu filho.

O cardápio deste domingo foi pensado cuidadosamente para, além de atender às necessidades nutricionais, reforçando a importância da segurança alimentar de toda população – “homenagear as mamães de todo o Estado com uma alimentação preparada com ainda mais carinho e amor em tempos de isolamento social”, segundo a Secretaria de Desenvolvimento Social do Governo de São Paulo. Além do almoço especial “Dia das Mães”, haverá o horário do café da manhã e o horário do jantar, no esquema “delivery” (marmita com talheres).

Outro fator importante para a realização da homenagem foi o alerta dado pelo Fundo de População das Nações Unidas (UNFPA), organismo da Organização das Naçõs Unidas (ONU), que ponderou sobre a possibilidade de acentuar os efeitos da desigualdade de gênero e piorar a vida das mulheres em razão do novo coronavírus. De acordo com o órgão, cerca de 70% das equipes de trabalho em saúde e serviço social são compostas por profissionais do sexo feminino, o que evidencia a exposição maior das mulheres à Covid-19.

AS UNIDADES ABERTAS === Das unidades que terão refeições elaboradas exclusivamente para esta data comemorativa, 21 estão localizadas na capital paulista, 12 nos âmbitos da Região Metropolitana de São Paulo e 25 distribuídas pelo interior e litoral paulista. Veja abaixo a relação dos restaurantes localizados na Zona Norte (com destaque  Tucuruvi e Santana) e os demais pela cidade. Os horários de funcionamento: 07h00 às 09h00 para o Café da Manhã — com o custo de R$0,50 (cinquenta centavos); 10h00 às 14h00 (almoço); e 17h30/19h00 (jantar) — as refeições saem por R$1,00 (um real) — cada período.

Entre os pratos principais haverá em cada unidade uma opção de arroz (branco, à grega, primavera, com cenoura e milho, colorido ou verde), uma de feijão (carioca, com bacon ou vitaminado com beterraba), uma opção de proteína animal (bovina: picadinho ao molho madeira, carne assada, escondidinho de abóbora com carne moída, cupim fatiado ao molho mostarda, entre outros; ave: frango assado, xadrez, ao molho de abacaxi, empanado, ao molho de Barbecue, à parmegiana, coq au vin, moqueca, chicken melt, estrogonofe, entre outros; suína: pernil assado, lombo ao molho de laranja, ao molho siciliano, com batatas, entre outros; ou panquecas: carne moída ou frango), um tipo de guarnição (opções de legumes, massas, ou farofas) e uma sobremesa (moranguete, doce de leite, bombom, paçoca, frutas, goiabada, doce de abóbora, cocada branca, pão de mel ou doce sírio).

Desde o início da pandemia da Covid-19, o serviço se adequou rapidamente às medidas estaduais não fechando os restaurantes que atendem a população em situação mais vulnerável do Estado. Todas as unidades estão oferecendo as refeições em embalagens descartáveis com talheres para retirar e, além disso, ampliaram seus atendimentos com a oferta de jantares, passando a servir três refeições diárias – inclusive nos finais de semana e feriados, aumentando em 1,2 milhão de refeições mensalmente.

APOIO DO GOVERNO === Durante a pandemia do coronavírus, o Governo do Estado de São Paulo já anunciou diversas medidas de proteção à população em vulnerabilidade social. Entre elas estão, por exemplo, o projeto ‘Alimento Solidário’ que distribuirá 1 milhão de cestas mensalmente, atendendo 4 milhões de pessoas no Estado; a ampliação do atendimento nos restaurantes Bom Prato – conforme citado anteriormente; a ampliação do programa ‘Vivaleite’ para atender cerca de 20 mil idosos que vivem em abrigos e residenciais socioassistenciais no Estado; o projeto ‘Merenda em Casa’ que dará subsídio a mais de 730 mil estudantes da rede estadual na com pra de alimentos; o projeto ‘Higiene e Limpeza Solidária’ que distribuirá 1,2 milhão de kits para atender mais de 4 milhões de pessoas em vulnerabilidade sanitária; a distribuição de 2,6 milhões de máscaras para população mais vulnerável em parceria com o Instituto BEI e Instituto Rede Mulher Empreendedora; o repasse de cerca de R$ 3 milhões para 589 serviços de acolhimento para idosos  entre outros.


Bom Prato – 57 Unidades

Zona Norte / Nordeste

  • Tucuruvi –   Av. Nova Cantareira,2.099 (ao lado do MercadoCar)
  • Santana  –   R. Dr. Zuquim, 532
  • Limão      –   Av. Professor Celestino Bourroul, 779
  • Vila Nova Cachoeirinha – Av. Dep. Cantídio Sampaio, 140

Guarulhos

  • Centro  – Ladeira Campos Sales, 43 

Outro bairros

  • 01) 25 de Março – R. 25 de Março, 166
  • 02) Brás – Av. Rangel Pestana, 2.327
  • 03) Brasilândia – Av. Parapuã, 1.479
  • 04) Campo Limpo – Estrada de Itapecerica, 4.728
  • 05) Campos Elíseos – Largo Coração de Jesus, 28
  • 06) Capão Redondo – Av. Atos Tomás Ferraciú, 318
  • 07) Cidade Ademar – R. Yervant Kissajikian, 3.101
  • 08) Grajaú – Av. Dona Belmira Marin, 1.959
  • 09) Guaianases – Estrada de Poá, 13
  • 10) Heliópolis – Estrada das Lágrimas, 2.608
  • 11) Itaim Paulista – R. Alfredo Moreira Pinto, 87
  • 12) Itaquera – R. Victorio Santim, 247
  • 13) Lapa – R. Afonso Sardinha, 245
  • 14) Paraisópolis – R. Ernest Renan, 1.000
  • 15) Perus – R. Antônio Maia, 652
  • 16) Santo Amaro – Av. Mario Lopes Leão, 685
  • 17) São Mateus – Av. Mateo Bei, 2.604
  • 18) São Miguel Paulista – R. José Otoni, 256

Interior de SP: (*) mais 35 unidades.


Serviço

Bom Prato Tucuruvi

  • Local:  Av. Nova Cantareira, 2.099 (ao lado da MercadoCar)
  • Horário café da manhã: 2ª a domingo, das 7 às 9 horas (*) – Custo: R$0,50
  • Horário do almoço: 2ª a domingo, das 10 às 14 horas (*) – Custo: R$1,00
  • Horario do jantar: 2ª a domingo, das 17h30 às 19hs00 – Custo: R$1,00
  • Preferenciais/Idosos: 20 minutos antes dos horários acima
  • Esquema/Serviço: “delivery” – retirada de marmita com talheres — sem refeitório
  • (*) horários sujeitos ao término da quantidade/dia de café  e refeições.

Informações adicionais

  • O programa Bom Prato foi inaugurado no Governo de Mário Covas, em 2000,
  • O café da manhã foi implantado em 2011 em todas as unidades;
  • A unidade do Campos Elíseos, no centro de São Paulo, é o único que oferece jantar e abre nos fins de semana;
  • Por causa do serviços fora do normal, a Unidade de Campos Eliseos enfrenta o maior desafio com a manutenção dos equipamentos;
  • Já na Unidade de Santo Amaro é onde registra-se o maior número de refeições diariamente:  2.240 almoços;
  • Funcionários de unidades do Bom Prato, que começaram como  preparador de cozinha, se trasforaram  em “chefs de cozinha”, demonstrando o valor que tiveram e a oportunidade reconhecida;
  • Frequentadores do Bom Prato  reeberam o certificado do Ensino Fundamental por meio do serviço de alfabetização para adultos.  Algumas unidades contam com esses serviços adicionais, como curso de qualificação profissional por meio do Via Rápida Emprego, fisioterapia, aula de computação e acesso gratuito a internet por meio do Acessa São Paulo; e
  • As informações mais detalhadas nos serviços oferecidos em unidades do Bom Prato podem ser obtidas pelo Disque Bom Prato no telefone 0800 055 45 66.

<<<Com apoio de informações/fonte: Asessoria de Comunicação-Secretaria Estadual de Desenvolvimento Social –  Eliane Almeida / Marcos Guedes >> == DiárioZonaNorte é o único veículo jornalístico que reconhece e dá crédito aos profissionais de Assessoria de Imprensa / Relações Públicas / Agências — que muito trabalham nos bastidores da notícia >>>

 

 

ObraFácil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora