As inscrições para novos alunos e alunas do Projeto Guri — maior programa sociocultural brasileiro, mantido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo — serão realizadas de 25 de novembro a 6 de dezembro nos polos de ensino do interior e litoral de São Paulo — Em alguns polos as matrículas podem ocorrer em datas diferentes. São mais de 30 cursos gratuitos de música para crianças, adolescentes e jovens de 6 a 18 anos incompletos.

Para se matricular, os interessados devem comparecer ao polo que desejam estudar, acompanhados pelos responsáveis, portando RG ou certidão de nascimento; comprovante de matrícula escolar e/ou declaração de frequência escolar; e comprovante de endereço para consulta. Não é preciso ter conhecimento prévio de música, nem possuir instrumentos ou realizar testes seletivos.

Como funciona === Para participar do Projeto Guri, não é preciso ter conhecimento prévio de música, nem realizar testes seletivos. Basta ter entre 6 e 18 anos incompletos, procurar um polo com disponibilidade de vagas e comprovar a freqüência à escola regular. Na Fundação CASA, basta ter de 12 a 21 anos, procurar o agente referência e a Coordenação do Polo e manifestar interesse em cursar as oficinas de música.

Ao ingressar no Projeto Guri, o aluno opta pelo aprendizado de um instrumento musical, de canto coral, ou de ambos os cursos, além da opção pelo curso de luteria. Nas aulas são trabalhados os mais variados gêneros musicais, desde canções populares e músicas folclóricas a composições eruditas. Além de apresentar aos alunos novos estilos de música e manifestações culturais, a variedade de repertório trabalhada nos polos mantém viva as raízes culturais da própria comunidade.

Nos polos do Guri as atividades são sempre praticadas em grupo, o que estimula a participação dos alunos. Todos fazem parte de uma equipe que passa pelos mesmos desafios e aprendizado. Nas apresentações realizadas ao público, em pequenos, médios ou grandes eventos, o resultado é produto da dedicação do grupo e, ao mesmo tempo, também de cada um. Para os jovens, participar do Projeto Guri significa unir aprendizado e satisfação. Por tudo isso, o ensino musical é a ferramenta escolhida pelo Projeto Guri para o cumprimento da sua missão de inclusão sociocultural.

Locais e contatos === Na Zona Norte da cidade, os endereços mais próximos: Brás – Rua Coronel Mursa, 270 – 3ª a 5ª feira, 14h40 às 18h00 == Brasilândia – Rua Projetada 2., s/n – Conjunto Habitacional Brasilândia. Outros endereços: clique aqui. Site: www.projetoguri.org.br  === Mais informações: (11) 3585.9888.

Patrocinadores e apoiadores  === Sustenidos, CTG Brasil, VISA, Bayer, WestRock, Microsoft, VALGROUP, Supermercados Tauste, Novelis, Caterpillar, EMS, Capuani do Brasil, Pinheiro Neto, Instituto CCR, CCR AutoBan, Grupo Maringá, AES Tietê, Faber Castell, Distribuidora Ikeda, ASTA, Mercedes-Benz, Supermercados Rondon, Castelo Alimentos, Raízen, Arteris, GRUPO GR, Pirelli e Tereos

Sobre o Projeto Guri  === Mantido pela Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Governo do Estado de São Paulo, o Projeto Guri é o maior programa sociocultural brasileiro e oferece, nos períodos de contraturno escolar, cursos de iniciação musical, luteria, canto coral, tecnologia em música, instrumentos de cordas dedilhadas, cordas friccionadas, sopros, teclados e percussão, para crianças e adolescentes entre 6 e 18 anos (até 21 anos nos Grupos de Referência e na Fundação CASA). Cerca de 50 mil alunos são atendidos por ano, em quase 400 polos de ensino, distribuídos por todo o estado de São Paulo. Os mais de 330 polos localizados no interior e litoral, incluindo os polos da Fundação CASA, são administrados pela Sustenidos, enquanto o controle dos polos da capital paulista e Grande São Paulo fica por conta de outra organização social. A gestão compartilhada do Projeto Guri atende a uma resolução da Secretaria que regulamenta parcerias entre o governo e pessoas jurídicas de direito privado para ações na área cultural. Desde seu início, em 1995, o Projeto já atendeu mais de 770 mil jovens na Grande São Paulo, interior e litoral.

Sobre a Sustenidos === Eleita a Melhor ONG de Cultura de 2018, a Sustenidos administra o Projeto Guri. Desde 2004, é responsável pela gestão do programa no litoral e no interior do estado de São Paulo, incluindo os polos da Fundação CASA. Além do Governo de São Paulo, a Sustenidos conta com o apoio de prefeituras, organizações sociais, empresas e pessoas físicas. Instituições interessadas em investir na Sustenidos, contribuindo para o desenvolvimento integral de crianças e adolescentes, têm incentivo fiscal da Lei Rouanet e do Fundo Municipal da Criança e do Adolescente (FUMCAD). Pessoas físicas também podem ajudar. Saiba como contribuir: http://www.sustenidos.org.br/pessoa-fisica/e.


= <<<Com apoio de informações/fonte: Ass.Imprensa Secretaria de Cultura e Economia Criativa do Estado de São Paulo /  Anna Alves – Máquina Cohn & Wolfe  >> == DiárioZonaNorte é o único veículo jornalístico que reconhece e dá crédito aos profissionais de Assessoria de Imprensa / Relações Públicas / Agências — que muito trabalham nos bastidores da notícia >>>

IBCC Institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora