A cidade de São Paulo recebeu 2 mil ônibus novos no sistema municipal de transporte público coletivo desde janeiro de 2017. Os novos veículos substituem os antigos e trazem modernidade à frota, com ar-condicionado, acessibilidade, tecnologia embarcada como Wi-Fi e tomadas USB, além de motor menos poluente. Os coletivos foram cadastrados pela SPTrans e já estão rodando em todas as regiões da cidade.

No total, foram 2.028 novos veículos incorporados à frota municipal até o mês de julho, sendo que, destes, 844 foram somente em 2018, enquanto durante todo o ano passado foram incluídos 1.184 veículos. Isso significa que, em um período de 19 meses, 14% da frota foi renovada.

Além do ganho na qualidade da viagem e no conforto dos passageiros, os ônibus novos trazem benefícios à saúde de toda a população paulistana, já que são equipados com motores Euro V, que emitem menos poluentes do que os antigos Euro III utilizados nos veículos que estão sendo substituídos. Esta tecnologia contribui para melhoria da qualidade do ar e assegura maior eficiência energética ao ônibus.

Segundo o secretário municipal de Mobilidade e Transportes, João Octaviano Machado Neto, “a SPTrans trabalha para melhorar a mobilidade na cidade de São Paulo e oferecer mais conforto nas viagens da população com a modernização da frota de ônibus”.

Com as inclusões, o sistema chegou a 93,18% de acessibilidade, 3.703 veículos com ar-condicionado, 3.245 com tomada e 1.099 com Wi-Fi. O presidente da SPTrans, Paulo Cézar Shingai, afirma que “a inclusão dos ônibus novos proporciona um serviço de transporte com qualidade, eficiência e segurança aos passageiros do sistema”. << Com apoio de informações/fonte: Secretaria Especial de Comunicação – Secom / PMSP >

Assista ao vídeo:

 

Center Norte Youtube

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora