Programa de revitalização de áreas verdes na cidade de São Paulo “SP +Bonito” foi anunciado neste sábado (01/06/2019) pelo governador João Doria, junto ao prefeito da cidade.  Até o momento, foram mapeadas 148 numa área total de cerca de 420 mil metros quadrados, o equivalente a 40 campos de futebol, em todas as regiões da cidade. A meta é alcançar a marca de 200 áreas verdes da capital.

A iniciativa tem início na capital paulista e, em breve, será ampliada para outras regiões metropolitana do Estado. O anúncio marca o início das comemorações da Semana Nacional do Meio Ambiente que começa em 1º de junho e vai até 5 de junho.

“É um programa voltado a contribuir com as cidades com mais de 250 mil habitantes na revitalização urbana, sobretudo focado em parques, jardins e canteiros públicos. Esta iniciativa não envolve dinheiro das prefeituras e tão pouco do Governo do Estado. É um investimento privado na recuperação e, na sequência, de manutenção destas áreas, para um período de dois anos, renovável por mais dois anos”, esclareceu o governador.

O programa está sendo viabilizado com o apoio da iniciativa privada. Várias empresas já aderiram ao programa. Elas serão responsáveis por serviços de zeladoria urbana como limpeza, poda, manutenção, adubação de canteiros, rotatórias, jardins e praças. Outras empresas estão sendo convidadas apoiar a revitalização de espaços e também podem procurar as prefeituras para a devida adesão.

A Sabesp, companhia de saneamento básico do Estado de São Paulo é uma das empresas apoiadoras do programa e adotará 70 áreas verdes da capital. “É muito importante termos entre nós a cultura da manutenção e o quanto é importante zelarmos pelos nossos espaços públicos. Vamos cuidar, vamos embelezar o nosso Estado”, enfatizou Marcos Penido, Secretário de Estado de Infraestrutura e Meio ambiente.

Dentre as áreas já adotadas, destacam-se os canteiros centrais das avenidas Eliseu de Almeida e Pacaembu e as praças Adolfo Bloch e Santos Coimbra. Ainda não foi divulgada a lista das praças e outros locais escolhidos (e quais empresas) na Zona Norte de São Paulo.

“Hoje nós temos mais de mil praças e canteiros adotados na cidade de São Paulo e que agora se soma a esta nova etapa, ao São Paulo +Bonita”, informou o prefeito da cidade.

Empresas que aderiam na primeira fase do programa na capital paulista:

  • Aberje, Comgás, EMS, FGS, FGV, Fujitsu, GMF, Hitachi Vantara, IBM, International Paper, Movida, Raia Drogasil, Raizen, Redhat, Sabesp, Saint Gobain, Samsung, Sodexo, Taco Bell, Tegra.

<< Com apoio de informações/fonte: Imprensa-Governo de São Paulo >>

lanamaria_institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora