Na manhã desta 2 feira (21/01/209) foi inaugurado o Terminal de Aviação Geral em Guarulhos, denominado General Aviation Terminal Guarulhos Airport ou GATGRU. No mesmo evento, foi  anunciado o lançamento do International Brazil Air Show 2019.

Com a inauguração do GATGRU, o Aeroporto Internacional de São Paulo (GRU Airport) passa a oferecer uma infraestrutura diferenciada para receber passageiros de aeronaves e jatos de diversos portes, seguindo a tendência dos maiores aeroportos mundiais. O evento, promovido pela CFLY, Sator e GRU Airport, reunirá autoridades, representantes de entidades e empresas, e foi  realizado no Novo Terminal do GRU AIRPORT, em Guarulhos/SP. Durante o evento foi lançado o  Projeto  Universidade do ArUniAR, uma iniciativa da CFLY.

GATGRU ==  Com capacidade de pátio para até 39 jatos executivos distribuídos em uma área com mais de 6.000m2, o GATGRU tem capacidade para 200 passageiros por hora, que contarão com serviços diferenciados. O GAT visa o processamento de passageiros da Aviação Geral.

Segundo Francisco Lyra, sócio diretor da CFLY, a Aviação Geral é um complemento da Aviação Regular no país, pois consegue capilarizar o serviço de transporte aéreo a mais de 623 destinos contra os 153 atendidos pela Aviação Regular, sendo um fator contribuinte para o desenvolvimento econômico e atendimento das necessidades do transporte aéreo de um país continental como o Brasil.

Neste contexto, o GATGRU contribui com a elevação do nível dos serviços prestados a passageiros e tripulantes, sendo o primeiro terminal do país a manter padrões internacionais desses serviços, tornando-se um portal de entrada do Investimento Estrangeiro Direto (IED). O IED, cuja principal característica é a visita do principal tomador de decisões sobre investimentos, é considerado como uma forma de integração de economias mundiais.

Lançamento do IBAS – International Brazil Air Show  2019  ==  O primeiro evento brasileiro com base na indústria aeroespacial internacional e na infraestrutura aeroportuária será realizado nos dias 11, 12 e 13 de setembro de 2019, no GRU AirportAeroporto Internacional de São Paulo –, e reunirá líderes do segmento aéreo mundial para debater sobre o desenvolvimento do setor na América Latina. O evento, realizado pela Sator e com co-realização do GRU Airport, conta com apoios institucionais da Força Aérea Brasileira (FAB), Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC) e da Associação Brasileira das Empresas Aéreas (ABEAR).

Com contribuição fundamental para a economia, o setor de transporte aéreo é responsável por 1,4% do PIB Brasileiro, ou seja, R$25,1 bilhões, de acordo com os dados da Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA).

“O Brasil representa, sozinho, 5% do mercado mundial de aviação executiva, sendo que a América Latina representa 7% no geral. Já o total de empregos no Brasil, em 2014, é estimado em 1,6 milhões, somados os empregos diretos, indiretos e induzidos pela aviação e setores correlatos, como aeroportos, serviços de terra e aeroespaciais, além do turismo. Nesse sentido, iniciativas como o IBAS, GATGRU e UniAR fortalecem ainda mais esse setor considerado primordial para o desenvolvimento e expansão econômica do Brasil”, ressalta Paula Faria, diretora executiva da Sator e idealizadora do IBAS.

Com foco na conectividade e inovação para o fortalecimento do transporte aéreo, o lançamento do IBAS – International Brazil Air Show  2019 contemplará as diretrizes para o setor no novo governo.

Projeto Universidade do Ar – UniAR e 1º Anuário de Recursos Humanos para Aviação ==   Parceria entre Embry-Riddle Aeronautical University, CFLY Educacional e Universidade Brasil, o lançamento do Projeto Universidade do Ar – UniAR, também ocorrerá durante o evento. Além disso, será divulgado o 1º Anuário de Recursos Humanos para Aviação Civil, publicação do Instituto Brasileiro de Aviação, que abordará os desafios da formação e capacitação para o crescimento do setor.

Sobre o GATGRU ==  O GRUAirport – Aeroporto Internacional de São Paulo investiu na construção do terminal 3 e na modernização dos demais terminais, realizando obras de infraestrutura no sistema de pistas e pátios, porém este escopo inicial tinha como foco a aviação regular.  Sentindo a necessidade de prover a aviação geral com melhores serviços e infraestrutura, o GRU Airport realizou em 2017 um processo licitatório do qual o vencedor do certame foi o grupo GATGRU.

No final de outubro de 2017, o Consórcio formado pela CFLY Aviation e Jetex Flight Support celebraram o contrato entre o GRU Airport e o Terminal de Aviação Geral em Guarulhos, denominado General Aviation Terminal Guarulhos Airport (GATGRU), voltado para a aviação geral. A DNATA participou do consórcio vencedor na qualidade de provedor de ground handling.

A CFLY Aviation é uma empresa líder no setor de aviação geral que atua no mercado de Design, Construção e Operações (DBO), gestão de frotas, consultoria de corretagem e aviação, feiras internacionais e educação.  A empresa é acionista e co-organizadora do International Brazil Air Show (IBAS), parceira estratégica da Universidade Aeronáutica Embry Riddle e pioneira na logística de estacionamentos de alta densidade nos aeroportos brasileiros, conhecida como Hangar a Céu Aberto – HCA – que permite atender às necessidades dos clientes em uma maior permanência no Aeroporto de Guarulhos, contribuindo no aumento dos níveis de segurança de voo, além da redução do movimento aéreo na TMA SP e no aeroporto.

A JETEX é uma empresa de ponta em aviação geral, fornecendo FBOs, abastecimento de aeronaves, assistência em terra e planejamento global de viagens.

Os convidados ===  Entre as autoridades convidadas destacam-se: Tarcísio Gomes de Freitas, ministro da Infraestrutura; Ronei Glanzmann, secretário de Aviação Civil do Ministério da Infraestrutura; Ricardo Bezerra, representando o Presidente da ANAC – Agência Nacional de Aviação Civil; Gustavo Figueiredo, presidente do GRU Airport;  Tenente-Brigadeiro Domingues, Diretor-Geral do DECEA- Departamento de Controle do Espaço Aéreo;  Erik da Costa Bryer, presidente da Invepar; Fernando Costa, reitor da Universidade Brasil; Fabio Campos, diretor executivo da Embry Riddle; Jessica Santos, gerente de inteligência de mercado da YEBFrancisco Lyra, sócio da CFLY Aviation e  Paula Faria, diretora executiva da Sator e idealizadora do IBAS – International Brazil Air Show.

Sobre o GRU Airport ==   O GRU Airport – Aeroporto Internacional de São Paulo, uma empresa do consórcio formado pela Investimentos e Participações em Infraestrutura S.A. – Invepar  e Airports Company South Africa – ACSA , é o maior complexo aeroportuário da América do Sul, com movimentação média de aproximadamente 120 mil passageiros e cerca de 830 operações de pousos e decolagens, todos os dias. Nos últimos 12 meses, mais de 42 milhões de pessoas embarcaram ou desembarcaram pelo aeroporto pelas quase 270 mil partidas e chegadas. GRU Airport é o principal polo de distribuição de voos do país com 92 destinos regulares: 50 internacionais e 42 domésticos atendidos por 39 empresas aéreas. O aeroporto é também a mais importante porta de entrada e saída de cargas do Brasil, movimentando cerca de 41% das exportações e importações por via aérea no país.

Sobre o IBAS – International Brazil Air Show ==  O setor de transporte aéreo propicia uma grande contribuição para a economia de um País, criando empregos, gerando riquezas e conectando pessoas. Este mercado necessita crescer de forma planejada e integrada. E o IBAS – International Brazil Air Show tem o objetivo de reunir a cadeia aeroespacial, de infraestrutura aeroportuária e de fornecedores da aviação comercial e executiva para interlocução destas categorias, desenvolvendo assim melhorias para o mercadoEm sua 2ª Edição, o IBAS – International Brazil Air Show se consagra como o primeiro evento brasileiro com foco na indústria aeroespacial internacional e na infraestrutura aeroportuária, reunindo governo, entidades e empresas.

Sobre a Sator == Fundada em 2005, a empresa iniciou suas atividades como produtora de eventos,  oferecendo, ainda, serviços voltados para a comercialização e comunicação dos eventos que organizava. Recentemente, descobriu-se como uma organização desenvolvedora de plataformas de negócios, que consiste em identificar, planejar e desenvolver oportunidades por meio de encontros presenciais como seminários, feiras, rodadas de negócios, mídia online e impressa.

A Sator conta com ampla experiência na organização de eventos como a Airport Infra Expo, Labace, Latin American Business Aviation Conference & Exhibition (entre 2007 e 2010), a Feira Nacional de Aviação Civil (entre 2008 e 2010), o Broa Fly-in (2006 a 2008), o Connected Smart Cities (desde 2015), o PPP Awards & Conference Brazil (desde 2017), o Fórum de Mobilidade da  ANPTrilhos (em 2018), IBAS – International Brazil Air Show (2017 e 2019), IACC – Fórum Nacional da Inteligência Aplicada para o Combate à Criminalidade (2018 e 2019), Festival da ABCR – Associação Brasileira de Captadores de Recursos (2019) e  Connected Smart Mobility (2019).

Serviço

IBAS – International Brazil Air Show  2019: www.ibas.aero

Projeto Universidade do Ar – UniAR: www.institutoaviacao.org

Sator:  www.sators.com.br

GRU Aiport: www.gru.com.br/pt/institucional

< Com apoio de informações/fonte: Eliane Jerônimo Bueno – Imprensa Sator >

 

sicredi_institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora