A Prefeitura de São Paulo, por meio da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa), divulgou o balanço do Dia “D” contra o Sarampo realizado no último sábado (19/10/2019), na capital. Compareceram às 466 Unidades Básicas de Saúde (UBS) 54.250 crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade. Dessas, 6.986 foram vacinadas contra o sarampo. A campanha de vacinação é seletiva, visa vacinar crianças que não estão com o esquema de vacinação completo para sarampo.

O “Dia D” foi uma iniciativa do Ministério da Saúde (MS) com o apoio das Secretarias da Saúde de estado (SES) e do município (SMS) de São Paulo, com a proposta de vacinar as crianças entre seis meses e menores de 5 anos, faixa etária prioritária nesta fase da campanha.

Do dia 07/10 até 2ª feira (21/10/2019) 89.126 crianças de 6 meses a menores de 5 anos de idade compareceram aos postos de vacinação. Destas, 16.759 receberam a vacina tríplice viral – o que corresponde a uma proporção de vacinados de 18,8% das crianças que compareceram.

Do mês de janeiro a 10 de outubro deste ano, foram confirmados 4.923 casos de sarampo e foram registrados 5 óbitos.

O sarampo é uma doença altamente contagiosa e pode levar à morte. O calendário nacional de vacinação prevê a aplicação da vacina em duas doses, sendo a primeira, tríplice viral, aos 12 meses e a segunda, tetra viral, que protege também contra varicela, aos 15 meses. Os bebês a partir de seis meses devem receber a chamada “dose zero”, que não é contabilizada no calendário.

O município tem mantido a cobertura vacinal alta na primeira dose da vacina tríplice viral na população de 1 ano de idade, registrando até o final de setembro deste ano 101,65% de adesão. Já a cobertura da segunda dose está em 83,04% no mesmo período deste ano. A meta é atingir 95%.

A cobertura vacinal de pessoas de 15 a 29 anos alcançou 44,4% até o fim da última campanha, em 31 de agosto, com 1.290.245 doses aplicadas. A vacina continua disponível nas 466 UBS da capital.

A 1° fase da Campanha Nacional de Vacinação contra o Sarampo teve início no último dia 7 de outubro e terminou a 6ª feira (dia 25/10). A 2ª fase da Campanha iniciará no dia 18 de novembro, com término previsto para dia 30, e contará com “Dia D”, para vacinação seletiva para pessoas de 20 a 29 anos, no sábado, dia 30 de novembro.

A Covisa já realizou mais de 17 mil ações de bloqueio vacinal com aplicação de 1.276.496 vacinas, desde o surgimento dos primeiros casos, em março deste ano, e capacitou cerca de 800 profissionais de saúde quanto ao manejo clínico, notificação e tratamento da doença. << Com apoio de informações/fonte: Ass.Imprensa Secretaria Municipal da Saúde / CRS-Norte – Coordenadoria Regional de Saúde Norte >>

ObraFácil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora