O Governo do Estado de São Paulo publicou nesta 3a. feira (17nov2020) decreto   Nº 65.295 prorrogando a quarentena no estado até o dia 16 de dezembro.

Aumento de casos

Durante a coletiva de imprensa desta 2a. feira (16nov2020),  a gestão estadual admitiu que ocorreu um aumento nas internações pelo Covid-19 – quando o  estado atingiu  40.576 mortes por coronavírus no total e 1.169.377 casos confirmados da doença desde o início da pandemia.

De acordo com o secretário de saúde estadual, Jean Gorinchteyn, se os indicadores de saúde continuarem a crescer, medidas mais restritivas na quarentena poderão ser adotadas.

Entre os dias 8 e 14 de novembro, as internações de casos suspeitos e confirmados da doença cresceram 18% em relação à semana anterior e a média diária das novas internações subiu de 859 para 1.009.

Plano São Paulo

O Plano São Paulo – conjunto de normas que  regulamenta os estágios da quarentena nas diversas regiões do estado, estabelecendo medidas mais duras ou leves de acordo com os indicadores de saúde de cada local -, não será atualizado nesta semana.

Veja a íntegra do decreto:

” DECRETO Nº 65.295, DE 16 DE NOVEMBRO DE 2020

Estende a medida de quarentena de que trata o Decreto nº 64.881, de 22 de março de 2020. 

JOÃO DORIA, Governador do Estado de São Paulo, no uso de suas atribuições legais, considerando as recomendações do Centro de Contingência do Coronavírus, instituído pela Resolução nº 27, de 13 de março de 2020, da Secretaria da Saúde; Considerando a necessidade de conter a disseminação da COVID-19 e garantir o adequado funcionamento dos serviços de saúde,

Decreta:

Artigo 1º – Observados os termos e condições estabelecidos
no Decreto nº 64.994, de 28 de maio de 2020, fica estendida, até
16 de dezembro de 2020, a vigência:
I – da medida de quarentena instituída pelo Decreto nº
64.881, de 22 de março de 2020;
II – da suspensão de atividades não essenciais no âmbito
da Administração Pública estadual, nos termos do Decreto nº
64.879, de 20 de março de 2020.
Artigo 2º – Este decreto entra em vigor na data de sua
publicação.
Palácio dos Bandeirantes, 16 de novembro de 2020.
 

JOÃO DORIA (seguida da assinatura de todos os secretários do governo estadual).

Publicado na Secretaria de Governo, aos 16 de novembro de 2020 “