24.7 C
São Paulo
sábado, 25 julho, 2020
credito_sicredi
Home Notícias Cidadania Instituto Center Norte recebe ” Selo de Direitos Humanos e Diversidade”

Instituto Center Norte recebe ” Selo de Direitos Humanos e Diversidade”

O Instituto Center Norte, organização sem fins lucrativos criada pela Cidade Center Norte, foi reconhecido pela Prefeitura de São Paulo com o Selo Municipal de Direitos Humanos e Diversidade, na categoria Mulheres. A solenidade aconteceu em cerimônia realizada nesta 3ª feira (10/12/2019), no Theatro Municipal de São Paulo.  Em sua 2ª edição, o programa tem como objetivo destacar empresas, entidades do terceiro setor e órgãos públicos com as melhores práticas e políticas de diversidade e inclusão.

A organização recebeu a premiação com o projeto Rede CriaNorte, uma iniciativa realizada em parceria com a Rede Asta, que visa transformar o consumo têxtil em uma ferramenta de inclusão social e econômica para artesãs e costureiras de baixa renda que residem na Zona Norte da capital paulista, capacitando-as em um processo de formação empreendedora.

“Estamos muito contentes. A CriaNorte é um exemplo de que parcerias em rede produtiva é um desafio possível. Quando valorizamos as potências individuais de cada um para fortalecer conexões coletivas, todos ganham”, afirma Daniela Pavan, gerente de sustentabilidade da Cidade Center Norte (na foto, “de vermelho”), complexo multiuso formado pelos Shoppings Center Norte e Lar Center, o centro de exposições e convenções Expo Center Norte e o Novotel Center Norte. Ela ressalta que a premiação é um reconhecimento ao trabalho que o Instituto Center Norte realiza, desde 2002, a fim de contribuir para o desenvolvimento pessoal e profissional dos moradores da Zona Norte de São Paulo.


                            Os premiados

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria de Direitos Humanos e Cidadania,  organizou  a premiação do Programa Selo Municipal de Direitos Humanos e Diversidade para organizações do terceiro setor, empresas públicas, privadas e de economia mista e órgãos públicos por iniciativas, projetos, programas ou ações voltadas à diversidade e inclusão.

A cerimônia foi realizada no dia em que se comemora a Declaração Universal dos Direitos Humanos. É a segunda edição do programa. Na premiação do ano passado, foram destacadas as iniciativas de 60 organizações, em temas pertinentes aos tratados pelas coordenações da Secretaria Municipal de Direitos Humanos e Cidadania, desenvolvedora do programa: igualdade racial, infância e adolescência, juventude, LGBTI, Mulher, Pessoa Idosa, Pessoa Imigrante e Pessoa em Situação de Rua, e mais duas categorias adicionais que são: Pessoa com Deficiência e Pessoa Privada de Liberdade e Egressa.

Este ano, mais de 80 organizações inscreveram projetos que se enquadram em até três das dez categorias do Selo – alcançando 55 projetos reconhecidos – e em uma das três seguintes dimensões:

  •  Inclusão e gestão da diversidade, como práticas de contratação, promoção e gestão de   pessoas alinhadas com a diversidade e a proteção dos direitos humanos;
  •  Responsabilidade social, como projetos voltados à comunidade e à sociedade; e
  •  Imagem e posicionamento, como iniciativas voltadas à comunicação, marketing e   desenvolvimento de produtos e serviços visando à inclusão e promoção da cidadania.

As organizações premiadas passam a integrar a Rede do Selo 2020 para troca de experiências e boas práticas de gestão. A cerimônia foi aberta por Mariana Brito, representante da organização do programa e contou com a participação de Marisa Fortunato, secretária adjunta de Direitos Humanos e Cidadania, que representou o prefeito Bruno Covas e a secretária Ana Claudia Carletto. ‘Vivemos momentos difíceis e é importante que a secretaria não apenas promova os direitos humanos, mas dê oportunidade de integração a setores que estão fora do mercado”, afirmou.

 

           Prêmios, organizações e categorias

MULHERES

Organizações do Terceiro Setor
Instituto Center Norte – Rede Cria Norte

Daniela Pavan, gerente de sustentabilidade da Cidade Center Norte (na foto, “de vermelho”)

Setor Privado:
CRI – Grupo Materna CRI
Cushman & Wakefield – Win Women’s Integrated Network
Elevadores Atlas Schindler – Comitê de Diversidade e Inclusão
Free Soul Food – Free Soul Integra
Free Soul Foods – Free Soul Empreendedoras
Santander – Diversidade & Inclusão
Sodexo On Site – Somos Todos Cuidadores
Trench Rossi Watanabe – Cultura da Equidade
Uber – Women at Uber

IMIGRANTES

Organizações do Terceiro Setor
Abraço Cultural – Cursos com Refugiados

Setor Privado
ABVTEX – Associação Brasileira do Varejo Têxtil – Programa ABVTEX
EMDOC – Programa de Apoio para Recolocação dos Refugiados (PAAR)
Free Soul Foods – Free Soul Empreendedoras
Sodexo On– Site – Empoderando Refugiados

IGUALDADE RACIAL

Organizações do Terceiro Setor
IBCCRIM – Políticas de Inclusão e Diversidade

Setor Privado
Carrefour – Meta Negros na Liderança
JLL – Educar para Incluir
Aliança Jurídica – Aliança Jurídica pela Igualdade Racial

INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA

Organizações do Terceiro Setor
Viração Educomunicação – Escola de Cidadania para Adolescentes

Órgãos Públicos
IMESC – Brinquedoteca: Espaço de Acolhimento e Humanização

Setor Privado
ABVTEX – Associação Brasileira do Varejo Têxtil – Programa ABVTEX

PESSOA IDOSA

Organizações do Terceiro Setor
Unibes – Agente Transformador
Projeto Velho Amigo – Informática para Idosos

Órgãos Públicos
Instituto Paulista de Geriatria e Gerontologia “José Ermírio de Moraes” – Alfabetização e inclusão digital para idosos

Setor Privado
Free Aging – Longev Week
Dínamo Editora – Revista Aptare
Hcor – Curso de Capacitação de Conselheiros Estaduais dos Direitos da Pessoa Idosa
INTEMSA – Alzheimer é possível
MaturiJobs – MaturiFest
Portal do Envelhecimento – Portal do Envelhecimento

JUVENTUDE

Organizações do Terceiro Setor
Vetor Brasil – Gestão da diversidade socioeconômica no Programa Trainee de Gestão Pública do Vetor Brasil

Setor Privado
Carlotas – Carlotas
Cushman & Wakefield Consultoria Imobiliária LTDA – Biblioteca de Heliópolis
TozziniFreire Advogados – Jogo dos Três Poderes

LGBTI

Organizações do Terceiro Setor
Adaap (SP Escola de Teatro) – Programa de Empregabilidade de Trans e Travestis e SP Transvisão: Semana de Visibilidade Trans

Setor Privado
Accor – Compromisso com a Diversidade LGBT+
Barilla – Grupo Respeiro
Carrefour – Grupo de Afinidade Todoxs
Castro Burguer – Castro Burguer
Gol Linhas Aéreas Inteligentes – Revista Gol
Pinheiro Neto Advogados – Comissão de Diversidade e Inclusão
TozziniFreire Advogados – TF.doc
Trench Rossi Watanabe – Grupo de Afinidade no Comitê de Diversidade e Inclusão
Uber – Pride @Uber

PESSOA COM DEFICIÊNCIA

Organizações do Terceiro Setor
INSPER – Projeto Insper Cultivando a Diversidade

Setor Privado
Dasa – DiversiDasa
Hcor – Curso de Capacitação em Central de Atendimentos “call center” para profissionais com deficiência locomotora
JLL – Educar para Incluir
JLL – Programa de Inclusão de Pessoas com Deficiência
Santa Causa Boas Ideias & Projetos – Curso online “Contratação de pessoas com deficiência e gestão inclusiva
Santa Causa Boas Ideias & Projetos – Jobs4All
Specialisterne Brasil – Valorização da Neurodiversudade: Capacitação e Inclusão para pessoas com autismo

PROJETOS TRANSVERSAIS

Organizações do Terceiro Setor
Instituto Terra, Trabalho e Cidadania (ITTC) – Projeto Mulheres Migrantes, mulheres em conflito com a lei
– Mulher
– Pessoas Imigrantes
– Igualdade Racial

Setor Privado:
Associação Brasileira do Varejo Têxtil (ABVTEX) – Programa ABVTEX
– Mulheres
– Infância e Adolescência
– Pessoas Imigrantes

Demarest Advogados – Programa de Diversidade e Inclusão: D Mulheres, D Mais e D Raízes
– Juventude
Igualdade Racial
– LGBTI

Grupo Bridge – Bridge 36,5° (Bridge trinta e seis e meio)
Infância e Adolescência
– Pessoas Imigrantes
– Juventude

Machado Meyer Sendacz e Opice Advogados – Mentoring ID.Afro
– Juventude
– Igualdade Racial

PwC Brasil – Diversidade no processo seletivo de trainees
– Mulheres
Igualdade Racial

A Rede do Selo ===  A Rede do Selo é um ambiente de compartilhamento de experiências e boas práticas, bem como de aproximação com as políticas públicas municipais de inclusão e empregabilidade. Além de ser um espaço de troca e aprendizagem entre as organizações reconhecidas.


Sobre o Instituto Center Norte === O Instituto Center Norte é uma organização sem fins lucrativos, criada pela Cidade Center Norte, cuja finalidade é ajudar a melhorar a qualidade de vida e a renda dos moradores da região da zona norte de São Paulo. As atividades iniciaram em 2002 e, desde então, o Instituto Center Norte busca contribuir cada vez mais para o desenvolvimento pessoal e profissional dos moradores, bem como para a implantação de soluções e inovações em ações sociais que visam tornar a zona norte mais sustentável.


=== <<<Com apoio de informações/fonte: Secretaria Especial de Comunicação-Secom/PMSP  + Instituto Center Norte: Grupo CDI / Débora Camargo >> == DiárioZonaNorte é o único veículo jornalístico que reconhece e dá crédito aos profissionais de Assessoria de Imprensa / Relações Públicas / Agências —que muito trabalham nos bastidores da notícia >>>


 

credito_sicredi

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora