Desde o dia 7 de abril, quando o Centro de Combate ao Coronavírus (3C-Gru) passou a operar, até esta 6ª feira (15/05/2020), 106 pessoas com suspeita de Covid-19 receberam alta no local, sendo 58 homens, com idades entre 26 e 77 anos, e 48 mulheres, com idades entre 27 e 97 anos. Antônio Batista do Nascimento, de 56 anos, foi o centésimo paciente. Sua esposa, Aparecida Lopes do Nascimento, que acompanhou a situação de perto, repassou a mensagem do esposo, que, curado da doença, disse ter sido muito bem atendido nos dois dias em que ficou internado no local.

Nascimento saiu de uma gripe e entrou em outra. Depois começou a sentir muita dor nas costas e na barriga. “Não sabíamos se era dor na coluna. Mas aí ele perdeu o paladar, ficou com a boca seca e começou a ficar ofegante. Então fomos procurar atendimento médico na UBS”, relatou a esposa. Com a saturação de oxigênio baixa, ele saiu da UBS Cidade Martins e foi encaminhado ao PA Paraventi. O raio X e o exame de sangue constataram, além da pneumonia, diabetes. Foi então que, depois de alguns dias internado no Hospital Municipal de Urgências (HMU), foi transferido para o 3C-Gru, onde deu entrada na terça-feira e recebeu alta nesta quinta-feira. 

A suspeita é de que Antônio tenha contraído a doença no trabalho. “Ele provavelmente não usou a máscara devidamente”, contou a esposa. “Só digo às pessoas que isso não é brincadeira. Não é uma gripezinha como alguns dizem. As pessoas devem tomar cuidado, lavar as mãos e levar isso a sério. Eu nunca duvidei disso, mas quando você sente na pele, a coisa é feia”, afirmou Aparecida.

No emocionante vídeo da saída de Nascimento do hospital, que está circulando nas redes sociais, Aparecida deixou um recado. “Muitas pessoas lá fora falam assim: ‘pra quê essa tenda que tá vazia?’. Eu falei: ‘não, gente. Eu sou testemunha de que essa tenda não está vazia e muita gente lá está dando a própria vida pra salvar as nossas vidas, a dos nossos parentes aqui. Então, gente, muito obrigada, de coração. Só Deus mesmo pra recompensar, e com certezas vocês estarão nas minhas orações”, finalizou.

O 3C-Gru funciona 24 horas por dia, sete dias por semana, e possui 70 leitos, 14 deles semelhantes aos de uma UTI (alta complexidade), sala vermelha de estabilização, leitos de isolamento e enfermaria, todos com terapia respiratória (oxigênio). Além disso, realiza a triagem de pessoas com suspeita de Covid-19, tanto no sistema drive-thru, com capacidade para atender até seis carros simultaneamente, quanto para pedestres, de segunda-feira a domingo, das 7h às 19h. O complexo está localizado na avenida Odair Santaneli, 101, Parque Cecap (próximo ao Hospital Geral de Guarulhos).

                Índice de cura é de 67,7%

Dos 1.190 casos de coronavírus (Covid-19) confirmados em Guarulhos até o momento, mais de 800 pessoas já estão curadas da doença, o que representa um índice de 67,7%. É o que mostra o Boletim Epidemiológico divulgado nesta 5ª feira (14/05/2020) pela Secretaria da Saúde. Em contrapartida, o município registrou até agora 154 óbitos e outros cerca de 200 pacientes seguem em tratamento.

Os números divulgados apontam que as pessoas entre 40 a 49 anos foram as mais acometidas pelo Covid-19 na cidade até agora, respondendo por 26,13% do total dos casos e 11,03% dos óbitos. Em seguida, estão as faixas etárias de 30 a 39 anos, com 23,52% do total de registros, e de 50 a 59 anos, com 17,81%.

Embora na população de 60 a 69 anos o percentual de confirmação do coronavírus seja menor (10,58%), a mortalidade neste público é maior no município, correspondendo a 27,27% dos óbitos. Na sequência, aparece a faixa etária de 50 a 59 anos, que contabiliza 20,77% das mortes.

Nas demais faixas etárias foram confirmados 10% dos casos na população entre 20 e 29 anos, em que não houve mortes; 5,46% nas pessoas entre 70 e 79 anos (com 15,59% dos óbitos); e 4,78% em idosos com 80 anos ou mais, público que concentra 18% das vítimas fatais de Covid-19 na cidade.   

     Região de Saúde Centro concentra mais casos 

Na Região de Saúde Centro, que reúne a maior quantidade de pessoas infectadas pelo coronavírus (Covid-19) com 395 registros do total de 1.190 casos confirmados em Guarulhos até o momento, o número de mortes passou de 26 para 60 em uma semana. Os dados são do Boletim Epidemiológico  divulgado pela Secretaria da Saúde.

Ficam localizados na área de abrangência da Região de Saúde Centro bairros como Jardim Paraventi, Jardim Flor da Montanha, Parque Cecap, Vila Fátima, Vila Barros, Ponte Grande, Itapegica, Jardim Munhoz, Jardim Tranquilidade, Vila São Rafael e Jardim Vila Galvão.

Por sua vez, a Região Cantareira é a segunda maior em número de casos e mortes, com 340 notificações positivas e 45 mortes, cinco a mais que na semana passada. Integram esta região os seguintes bairros: Vila Galvão, Jardim Rosa de França, Jardim Palmira, Parque Continental, Jardim Novo Recreio, Cabuçu, Jardim Acácio, Jardim Belvedere, Parque Primavera, Taboão, Cidade Martins, Jardim Santa Lídia, Cocaia, Jardim Jovaia, Vila Rio de Janeiro e Morros.

Aumento nas demais regiões ===  A circulação do vírus também vem aumentando na Região de Saúde Pimentas/Cumbica, que compreende bairros como Pimentas, Conjunto Marcos Freire, Jardim Jacy, Cumbica, Parque Uirapuru, Jardim Nova Cumbica, Água Chata, Vila Dinamarca, Jardim Nova Cidade, Parque Jandaia, Jardim Normandia, Parque Piratininga, Jardim Aracília, Parque Jurema, Parque Alvorada, Jardim Dona Luiza e Jardim Santo Afonso. Este território é o terceiro com maior número de exames positivos para Covid-19, com 248 casos confirmados e 28 mortes.

Na Região de Saúde São João/Bonsucesso foram 81 novas confirmações nesta semana, totalizando 205 pessoas infectadas e 21 óbitos. Fazem parte desta localidade bairros como Jardim Bananal, Jardim Fortaleza, Cidade Seródio, Haroldo Veloso, Parque Santos Dumont, Nova Bonsucesso, Jardim Álamo, Vila Carmela, Parque Residencial Bambi, Água Azul, Jardim Presidente Dutra, Marinópolis, Inocoop, Lavras, Cidade Soberana, Jardim Ponte Alta e Jardim Santa Paula.

No Boletim Epidemiológico aparecem outras duas notificações de pessoas com Covid-19 em Guarulhos, mas sem informações sobre o local de residência do paciente.

   Guarulhos registra 163 mortes por Covid-19 e 1.270 casos confirmados

Guarulhos teve a confirmação nesta 6ª feira (15/05/202) de mais nove mortes por coronavírus (Covid-19), sendo sete ocorridos em maio e dois em abril. Com isso, o número de mortes na cidade em decorrência da doença subiu para 163. Outras 106 seguem sob investigação, de um total de 351 suspeitas e 82 descartadas. Nas últimas 24 horas o município registrou mais 80 casos confirmados de Covid-19, totalizando até o momento 1.270 pessoas infectadas.

Seis mortes que estavam sob investigação e tiveram a confirmação para o novo coronavírus  são do sexo masculino, com idades entre 40 e 87 anos, e três são mulheres entre 56 e 89 anos. Das quatro mortes de pessoas abaixo de 60 anos, três foram notificadas com comorbidades. Os números do Boletim Epidemiológico divulgado pela Secretaria da Saúde diariamente também apontam que, do total de 5.850 casos suspeitos notificados em Guarulhos até o momento, 2.490 foram descartados e 2.090 seguem sob investigação.

Nesta 6ª feira a taxa de ocupação dos leitos de UTI destinados à Covid-19 nos hospitais municipais é de 57,69% e a de leitos clínicos para tratamento da doença é de 66,67%. Já os hospitais estaduais permanecem sem vagas para receber pacientes de Covid-19 no momento. <<< Com apoio de informações/fonte: Assessoria de Comunicação/Prefeitura de Guarulhos / Textos: Sandra Lopes >>


ObraFácil

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora