Início Bem Estar Gripe: Prefeitura recebe mais vacinas e as UBS atendem pacientes sem...

Gripe: Prefeitura recebe mais vacinas e as UBS atendem pacientes sem agendamento

agendamento
Tempo de Leitura: 2 minutos
agendamento
  •  O atendimento será feito sem agendamento em todas as UBS, com vacinação a partir de 24/12 (6a.feira)

A Prefeitura de São Paulo, por meio da Secretaria Municipal da Saúde (SMS), vai receber do Instituto Butantan 1 milhão de doses da vacina contra a gripe H1N1. Um lote com 400 mil imunizantes será disponibilizado ao município já nesta 5ª feira (23/12/2021) e a Secretaria Municipal da Saúde iniciará a vacinação no dia seguinte (24/12/2021), das 7 às 19 horas, em todas as 469 Unidades Básicas de Saúde (UBSs).

As doses serão destinadas às pessoas que ainda não se vacinaram em 2021. Gestantes, puérperas, lactantes, idosos acima de 60 anos e crianças de 6 meses a 5 anos completos fazem parte do grupo prioritário. Assim que chegar nova remessa das doses, a Secretaria Municipal da Saúde vai divulgar amplamente.

O Instituto Butantan atendeu a um pedido da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa), que enviou ofício solicitando doses adicionais da vacina contra a gripe, na tentativa de amenizar o quadro preocupante de aumento no número de casos de pacientes com sintomas respiratórios, nos últimos dias.

Em novembro de 2021, a SMS registrou um total de 111.949 atendimentos de pessoas com sintomas gripais, sendo 56.220 suspeitos de Covid-19. Neste mês, até terça-feira (20), a SMS registra um total de 170.259 às pessoas com quadro respiratório, sendo 79.482 suspeitos de Covid-19.

Na semana passada, a Secretaria Municipal da Saúde, por meio da Covisa, fez o mesmo pedido ao Ministério da Saúde (MS). Neste ano, cerca de 4,5 milhões de pessoas receberam a vacina contra a gripe H1N1 na cidade de São Paulo.

Pacientes com sintomas gripais são atendidos sem agendamento

A Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de São Paulo informa que a partir desta 5ª feira (23/12/2021, todas as Unidades Básicas de Saúde (UBSs) da capital estarão atendendo os pacientes sem necessidade de agendamento prévio. Com essa estratégia, a  busca-se garantir o cuidado em saúde aos usuários da rede municipal de saúde.

Na 6ª feira (24/12/2021), as UBSs estarão abertas com médicos clínicos, pediatras e generalistas exclusivamente para o atendimento de pacientes com sintomas respiratórios.

A Secretaria Municipal da Saúde destinou 258 dos leitos do Hospital Municipal da Brasilândia para o acolhimento e tratamento dos casos de Síndromes Respiratórias Agudas Graves (Srags) na cidade.

Desde sábado (18/12/2021), os pacientes diagnosticados com as síndromes respiratórias e que necessitam de internação já estão sendo transferidos para essa unidade hospitalar. Além disso, a rede municipal está contratando 280 médicos e enfermeiros e instalando tendas em UPAs e AMAs para agilizar a triagem e atendimento da população.

A Secretaria Municipal da Saúde tem intensificado as ações de monitoramento e iniciou na 5ª feira (16/12/2021), a realização de testes rápidos em suas Unidades de Pronto Atendimento (UPAs), Assistências Médicas Ambulatoriais (AMAs), Prontos Atendimentos (PAs) e prontos-socorros, no setor de triagem, para identificar os casos positivos de Covid-19. << Com apoio de informações/fonte: Secretaria Municipal da Saúde/Secom-PMSP >>

agendamento

d