da Redação DiárioZonaNorte ===

Uma fila gigantesca se formou na  última 4ª. feira  (27/03/2019) na avenida Coronel Sezefredo Fagundes — uma das vias mais extensas da cidade, passando por vários bairros da Zona Norte até o município de Mairiporã.  Desde as primeiras horas do dia,  cerca de mil pessoas posicionaram-se em  frente ao número 535 desta via no bairro do Tucuruvi (Zona Norte), aguardando a abertura  às 9 horas da mais nova loja da Rede Assai Atacadista.  E demonstrando que entende de varejo e sabe que o consumidor é rei, os consumidores foram recebidos com um café da manhã enquanto aguardavam a inauguração da  69ª. loja  da marca  no estado de São Paulo e a 145ª. no  país.

A unidade faz parte do projeto de conversão que o GPA (da francesa Casino e  dono das bandeiras Extra,  Pão de AçúcarMultivarejo, Compre Bem,  Minuto Pão de Açúcar, Via Varejo e GPA Malls) realiza desde 2016.   A conversão é uma estratégia de negócio do GPA – Grupo Pão de Açúcar,   que transforma lojas do formato hipermercado em operações de cash & carry (atacado).

No lado de dentro da loja, fornecedores e funcionários, Imprensa e convidados — que também participaram de um café da manhã —  puderam conhecer a estrutura da loja e os planos de expansão do “atacarejo” — que combina atacado com varejo. Todos foram recebidos simpaticamente e saudados — quase um a um —  pelo presidente do Assaí, Belmiro Gomes.

Gente e Exemplo  === Em entrevista ao DiárioZonaNorte,  ao ser perguntado sobre sua presença na loja, o presidente Belmiro Gomes, com seu jeito tranquilo, lembrou que estar presente nas inaugurações “não é ego. É exemplo”. Segundo ele, uma empresa só cresce quando seus gestores, independente do cargo ocupado, são exemplo. E complementa: “O Assaí é feito de gente e de exemplo”.  Ele lembrou que as pessoas absorvem cerca de 10% do que ouvem e o que elas visualizam ficam marcados para sempre.

Bom de prosa e em tom descontraído, Belmiro Gomes comentou que seu primeiro trabalho foi na área de vendas na cidade paranaense de Maringá, sua cidade natal.  De acordo com ele, recebeu um carro da empresa e para cada produto vendido tinha 30% de comissão. E com um olhar maroto revelou … “eu era sorveteiro, empurrava o carrinho por toda Maringá e assim comecei a minha carreira”. O executivo trabalhou no concorrente Atacadão por 22 anos. Em 2007, coordenou o processo de venda da empresa para o Carrefour e após a consolidação do negócio permaneceu na empresa por mais três anos, sendo nomeado diretor executivo, respondendo  pelas áreas Comercial, Logística, Marketing e Estratégia de Negócios.

Em  2010 chegou ao GPA com a missão de fazer do Assaí uma das principais operações de cash & carry (atacado) do país.  Em 2019  o Assaí continua como o maior canal de vendas do GPA no varejo de alimentos e a maior bandeira  do mundo do Grupo Casino.

A inauguração da loja Assaí Sezefredo  marca o início do plano de expansão da rede para 2019,  que prevê a abertura de 20 unidades, incluindo a chegada da bandeira a cinco novos estados:  Amapá,  Maranhão, Rondônia, Roraima e Tocantins.

Números ===  Belmiro Gomes informou à reportagem do DiárioZonaNorte que ter uma loja do Assaí no Tucuruvi “é um sonho realizado”,  já que ele foi morador da região há alguns anos.  O principal entrave era a falta de um local espaçoso.   Sobre a nova loja, números impressionantes: investimentos de R$ 33 milhões de reais, mais de 7 mil itens comercializados entre alimentos, bebidas, embalagens, higiene e limpeza e  hortifrúti,  4,3 mil m² de área de vendas (sem incluir áreas de depósito e câmeras frigoríficas),   288 vagas de estacionamento  e o melhor… 600 empregos diretos e indiretos.

A estrutura das lojas do  Assaí é enxuta e atende desde o pequeno e médio comerciante, transformadores (donos de lanchonetes, restaurantes, pizzarias e quiosques), revendedores e utilizadores (igreja, escolas, quartéis),  até o consumidor final.   Usa grandes espaços e instalações simples, o estoque fica concentrado na área de vendas e os repositores de mercadorias são contratados pelas  empresas que comercializam seus produtos dentro do Assaí.

Segmento em Expansão === A recessão econômica foi uma oportunidade de negócio que transformou o jeito das empresas trabalharem sua forma de distribuição e o impulso para o negócio cair no gosto do brasileiro foi a oferta de produtos mais baratos, possíveis por meio de uma operação mais enxuta. .

A edição mais recente do  Consumer Insights, estudo elaborado pela consultoria Kantar Worldpanel indica que mostrou que em 2018, o “atacarejo” ganhou 2,6 pontos percentuais de penetração, o que representa mais de 1,4 milhões de novos domicílios comprando no canal. No mesmo estudo, o varejo tradicional e as vendas diretas (porta a porta) perderam espaço.  Mesmo com esse crescimento, apenas 50% da clientela dos “atacarejos” é de pessoas físicas e são os consumidores de classes menos abastadas que primeiro entenderam o valor da operação, onde cada centavo vale muito.

A inauguração ===   O evento de  abertura  foi conduzido pelo mestre de cerimônia Marcel Tomom,  que convidou o morador da região Edson Franscisco, o primeiro cliente na fila da nova loja a se juntar aos diretores da empresa.

Estavam presentes, ao lado do  presidente do Assaí,  Anderson Castilho (Diretor de Operações), Walmir dos Anjos (Diretor Comercial), Marly Lopes (Diretora de Marketing e Sustentabilidade), Deise Rissi (Diretora de Planejamento e Obras), Sandra Vicari  (Diretora de Gestão de Gente), André Campos (Diretor de TI), Armando Boudoux (Diretor de Expansão), José Mauro Santos (Diretor Financeiro), José Novaes (Diretor Financeiro), José Novaes (Diretor Regional SP), Murilo Coelho (Gerente Regional SP), Isaias Lopes (Gerente de Loja) e Andresa de Souza (subgerente de loja).

Empregos diretos e indiretos  ===  O primeiro a falar foi o gerente da loja, Isaías Lopes. Na mesma proporção dos números grandiosos da nova loja, o discurso improvisado de Isaías Lopes  emocionou a todos os presentes.  Falando do fundo do coração e  de uma forma simples ele motivou a equipe e  se emocionou. Tudo ali teve uma grande importância junto ao evento da inauguração. Ele parecia um chefe de torcida, com seus movimentos ritmados e incentivando os vários colaboradores uniformizados à sua frente — que, em um momento, fizeram o coro na euforia do grito de guerra: “A-s-s-a-i é Assaí. E a diferença é a nossa rede. O que importa é o nosso cliente”.

Certamente enquanto Isaías falava, um filme passava na cabeça de cada um dos funcionários. Muitos estavam desempregados há muito tempo,   por conta do longo período de recessão pelo qual o Brasil passou  e o trabalho no Assaí Sezefredo é  a oportunidade de um recomeço de vida e uma chance agarrada com as duas mãos… e muita força de vontade no que realiza.

Depois de Isaías Lopes, foi a vez do Diretor Regional SP,   José Novaes, que falou  sobre a importância da nova loja para o desempenho da Rede Assaí. Para encerrar a cerimônia, o presidente Belmiro Gomes agradeceu a presença de todos para a solenidade de abertura oficial, indo direto ao descerramento da fita vermelha da loja — estrategicamente à frente dos vários clientes ansiosos com os carrinhos para as compras.

Para marcar o momento, uma chuva de balões coloridos e papel prateado, caiu sobre os clientes que entravam apressados na loja, em busca de boas ofertas e enchiam seus carrinhos, dando muito trabalho aos operadores dos 30 caixas da loja, que permaneceram lotados durante todo o dia. Muitos carrinhos que até congestionaram os corredores, gente com produtos nos braços e sacolas nas mãos. E comentários de elogios para a abertura da loja, que estava no aguardo e expectativas há alguns meses.

Nos corredores, diante das prateleiras ou gôndolas, ouvia-se cochichos de “donas de casa” com espanto: “nossa, lá está esse produto está bem mais caro!”. E os comentários de vários clientes quanto aos preços convidativos e comparativos eram espontâneos:  ” Toda a vida comprei no Assaí”, comentou Divaldo Rodrigo Novaes, de 69 anos, do Jardim Joamar. No meio do corredor, com o carrinho cheio, ele afirmava com satisfação que frequenta o Assaí desde 1991 lá na Casa Verde. E até desfilou com o boné do Assaí.

Com ele, concordou Elaine Marinho, de 47 anos, moradora do Tucuruvi e que sentia falta de um bom lugar para suas compras, afirmando: “e ainda com preços bem melhores e estou gostando muito!”. Roseli Batista Fernandes, 68 anos, de Santana: “Já costumo comprar em outros Assaí, mas este aqui vai facilitar em muito minha vida”. Na mesma linha, os clientes Valdir Roberto, de 77 anos, de Palmas; e Valéria Bexiga, de 52 anos, do Peri.

Um momento à parte === No meio da loja, um espaço especial mostrou a arte do Chef Edson Oliveira (formado em 2016 como mestre pela Associação Tailandesa-Thai Tradicional Medical Service) com a arte em desenhos do Rei Pelé e de Clark Gamble, entre outros, que são  entalhados em esculturas delicadamente nos formatos internos de melancias. Mais detalhes podem ser conhecidos no www.esculturaearte.com.br  .  No apoio ao meio ambiente, a loja possui também coletor de pilhas e baterias — além de dar preferência às sacolas retornáveis.

Serviço:

Assaí Atacadista

  • Av. Coronel Sezefredo Fagundes, 535 – Fone: 2262.9830
  • Funcionamento: 2ª a 6ª feira – 7 às 22h00 / Domingo e feriados: 8 às 18h00
  • Estacionamento: 288 vagas – à frente idosos, deficientes e especiais.

 

 

Center Norte Youtube

2 COMENTÁRIOS

  1. Meus parabéns por mais essa loja,mas gostaria de saber como consegui uma vaga de emprego no Assaí.

  2. Para o Diretor de operações, o estudo de impacto no trânsito foi feito?
    A sezefredo tá um caos agora devido aquela entrada do estacionamento na avenida. ( coloquem na rua lateral)

    Dica: mudem urgente pra que as pessoas não façam uma associação ruim sobre o mercado, a concorrência na região é forte e isso pode afetar.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora