A importância do Natal: todo dia!

por Welson Gasparini (*) === 

Em todo o período natalino somos tocados por mensagens que nos motivam a dar melhores rumos aos nossos passos; são mensagens nos lembrando, invariavelmente, a importância do amor em todas suas manifestações: dos pais para com os filhos, dos filhos para com os pais, dos casais, dos enamorados e dos seres humanos em geral.

É um momento especial de nossas vidas, no qual vivemos a oportunidade de congraçarmos com as pessoas com as quais cruzamos, sejam nossos parentes, nossos amigos, nossos companheiros de trabalho ou quem nos presta ou aos quais prestamos serviços.

O significado do Natal, muitas vezes esquecido, entretanto, é o nascimento de Jesus Cristo e sua comemoração acontece, há mais de 1600 anos, no dia 25 de dezembro, conforme estipulou, no ano de 350, o Papa Julio I.

Transcrevo, para meditação, como fiz em anos anteriores – pela sua perfeita sintonia com o momento vivido – o texto abaixo, de autoria do Papa Francisco:

O Natal costuma ser sempre uma ruidosa festa; entretanto se faz necessário o silêncio, para que se consiga ouvir a voz do Amor.

Natal é você, quando se dispõe, todos os dias, a renascer e deixar que Deus penetre em sua alma.

O pinheiro de Natal é você, quando com sua força, resiste aos ventos e dificuldades da vida.

Você é a decoração de Natal, quando suas virtudes são cores que enfeitam sua vida.

Você é o sino de Natal, quando chama, congrega, reúne.

A luz de Natal é você quando com uma vida de bondade, paciência, alegria e generosidade consegue ser luz a iluminar o caminho dos outros.

Você é o anjo do Natal quando consegue entoar e cantar sua mensagem de paz, justiça e de amor.

A estrela-guia do Natal é você, quando consegue levar alguém, ao encontro do Senhor.

Você será os Reis Magos quando conseguir dar, de presente, o melhor de si, indistintamente, a todos.

A música de Natal é você, quando consegue também sua harmonia interior.

O presente de Natal é você, quando consegue comportar-se como verdadeiro amigo e irmão de qualquer ser humano.

O cartão de Natal é você, quando a bondade está escrita no gesto de amor de suas mãos.

Você será os ‘votos de Feliz Natal’ quando perdoar, restabelecendo de novo a paz, mesmo a custo de seu próprio sacrifício.

A ceia de Natal é você, quando sacia de pão e esperança, qualquer carente ao seu lado. Papa Francisco

O Natal, enfim, somos eu, você e todos que acreditamos no aniversariante do próximo dia 25; Aquele que deu sua vida para a humanidade e sempre praticou sua pregação; o filho de Deus vindo à terra para redimi-la de seus pecados e de seus erros.

Cabe-nos louvá-lo, amá-lo  e proclamar, ainda uma vez, aquela frase tão difundida: “Glória a Deus nas alturas e paz na terra aos homens de boa vontade”.

De boa vontade e de a mor ao próximo, o mundo e as pessoas estão carentes. Daí a importância de levarmos para o nosso cotidiano, em meio às dificuldades inerentes, o espírito de Natal. Do Natal todo dia. 

(*)  Welson Gasparini é deputado estadual reeleito pelo PSDB e ex-prefeito de Ribeirão Preto.

sicredi_institucional

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor, entre com seu comentário
Por favor, entre com seu nome agora