Início Região 120 DIAS DE GESTÃO: “Abrindo caminhos para o bem estar de nossa...

120 DIAS DE GESTÃO: “Abrindo caminhos para o bem estar de nossa região”

Agora, um pouco mais de 120 dias, ou quatro meses da nova gestão municipal, com várias realizações que foram acompanhadas pelo “DiárioZonaNorte”, os prefeitos regionais da Zona Norte (Nordeste / Noroeste) prestam novo depoimento.

Como aconteceu nos primeiros 30 dias, abre-se novo espaço para comentários e um balanço do que aconteceu neste período, com perspectivas de novas realizações. Quem inicia a série é Dário José Barreto, da Prefeitura Regional V.Maria/V.Guilherme/V.Medeiros.

Nos próximos dias, prestarão seus depoimentos (fora da ordem) os prefeitos regionais de Casa Verde/Cachoeirinha/Limão (Paulo Cahim), Santana/Tucuruvi/Mandaqui (Rosmary Corrêa), Jaçanã/Tremembé (Alexandre Pires), Roberto Godoi (Freguesia do Ó/Brasilândia),  Pirituba/Jaraguá (Ivan Lima) e Eduardo Rosmaninho (Perus).

 ——-

 por Dário José Barreto (*) –  prefeito regional V.Maria/V.Guilherme/V.Medeiros.

Chegamos aos 120 dias de gestão a frente da Prefeitura Regional Vila Maria / Vila Guilherme / Vila Medeiros e nestes meses trabalhamos com a prioridade de zelar por nossa região, realizando ações que interferem de maneira positiva no cotidiano dos munícipes. É importante ressaltar que as ações são contínuas, ou seja, não é uma questão de mais atenção.

São programas que sempre avançarão e terão aprimoramentos durante a gestão. Além destas ações que são específicas para região da Vila Maria, Vila Guilherme e Vila Medeiros, vamos trabalhar alinhados com o plano de metas da prefeitura, que já foi traçado através das audiências públicas e das indicações dos paulistanos.

Para personificar a gestão e exemplificar de maneira concreta estas importantes ações, cito dois tipos de intervenções de impacto direto na melhora de condições de locomoção do munícipe: a Reforma e construção de passeios públicos e a Operação Tapa-Buraco.

A reforma e construção de passeio público é um trabalho que precisa ser constante, em nossa função de promover melhorias no cenário urbano da capital, esta questão envolve tanto garantir o direito de movimentação segura para os cidadãos, quanto inserir pessoas com deficiência, conferindo condições de acessibilidade para os deslocamentos de tais pessoas.

Neste âmbito, um trabalho de destaque foi o desenvolvido na  Praça Oyeno, localizada no bairro do Jardim Japão. A praça ganhou reformas de acessibilidade no passeio público, facilitando a circulação de pessoas em cadeira de rodas, carrinhos de bebê, e de todos os moradores locais.  

As obras foram iniciadas após pedidos de moradores quando o programa ‘Calçada Nova – Mutirão Mário Covas’ passou pela região com o prefeito João Doria Jr e o vice-prefeito e Secretário das Prefeituras Regionais, Bruno Covas. Particularmente, para mim, foi muito satisfatório realizar uma obra que estava nos pedidos da população local há anos.

Obras na região

Outra obra do mesmo segmento foi na Praça Nippon com a Rua Osaka, no Jardim Japão,  trata-se de um canteiro relativamente pequeno, mas ponto de passagem em uma movimentada rua da região. O ponto tem um grande movimento de carros e um intenso fluxo de pessoas. A intervenção contou com obras de readequação na travessia de pedestres e a recuperação do paisagismo da Praça com um novo plantio. O resultado dos trabalhos vai garantir condições imprescindíveis de segurança para o pedestre com padrões para a acessibilidade.

Tais obras citadas são modelos que vamos seguir no caminhar de nossa gestão, já que o ganho é da população como um todo. Este ganho também vemos na Operação Tapa-Buraco, em quatro meses fechamos 2126 buracos em diversas ruas de nossos distritos, trabalho que temos a preocupação de realizar cumprindo as etapas técnicas que garantam um serviço de qualidade.

Conexão com moradores

Um dos princípios que norteiam a gestão é a conexão com a população. A Prefeitura Regional está constantemente aberta para que tanto eu, quanto  minha equipe receba as demandas dos munícipes. Através do diálogo temos apresentado o que pode ser feito, bem como temos mostrado às pessoas de nossa região que elas fazem parte da construção de uma cidade melhor.

Esta integração e parceria com os cidadãos podem ser vistas na maneira como construímos o nosso primeiro mutirão do Programa Bairro Lindo, na Vila Medeiros, bem como, também é a bússola para um dos grandes desafios que temos: o descarte irregular de lixo. Empenhamos nossas equipes nesta ação de maneira disciplinada, fazendo o trabalho de limpeza e desenvolvendo uma ação de conscientização, pois muitas vezes temos que realizar a limpeza mais que uma vez em um curto espaço de tempo.

Muitas demandas

As dificuldades ficam por conta do imenso número de demandas que temos. Na verdade são desafios, pois destas demandas é preciso filtrar as prioridades e compilar as ações que terão um impacto direto no cotidiano dos munícipes de maneira positiva. Tivemos dois incêndios que nos preocuparam muito, um na Comunidade do Coruja, na Vila Guilherme, e o outro na Comunidade Dom Vital, no Parque Novo Mundo, que foram bem contornados, porém foram momentos de tensão.

E destes desafios, um notável são as questões referentes a adoção de praças, no momento nosso foco está no levantamento que estamos realizando para apresentar um projeto bem estruturado em relação à adoção de praças, com parcerias sólidas e efetivas.

Mais zeladoria

Nosso grande foco de trabalho nestes primeiros meses foram as ações de zeladoria urbana, o que envolve o combate aos pontos viciados de descarte de lixo e entulho, cuidado com as vias públicas, limpeza de bueiros e serviços que refletem direto no bem estar do munícipe que vive no perímetro que está na administração de nossa Prefeitura Regional.

Entretanto, passado cerca de cinco meses, a gestão começa a ter mapeado seus maiores anseios e sua estrutura começa a se estabilizar, contudo, estamos preparando ações que disseminem a cultura e o esporte, dois fatores de importância relevante para integrar e envolver a população.

Para finalizar, gostaria de falar sobre uma importante obra que foi projetada durante estes 120 dias e está preste a ter seu início: a recuperação da encosta da Rua João Rangel, na Vila Maria Alta. Em 2011 teve um sério deslizamento de terra na rua citada, agora, conseguimos aprovar os recursos e planejar uma obra com intervenções seguras, sanando um problema que se arrastou por 6 anos.

(*)  DÁRIO JOSÉ BARRETO —  brasileiro, casado, advogado, corretor de imóveis, empresário do setor imobiliário, pós-graduado em direito civil constitucional. Tem histórico de atuação comunitária local. Foi Delegado Distrital do CRECI/SP e Membro licenciado da Comissão de Ética e Fiscalização do mesmo Conselho. Membro licenciado da Quarta Turma Disciplinar e da Comissão Especial de Direito Notarial e Registros Públicos da Ordem dos Advogados do Brasil, seção de São Paulo. 

——-

d